DEMOCRACIA

Álvaro Dias confirma reajuste na tarifa de ônibus e estudantes convocam manifestação

O segundo reajuste das tarifas de ônibus acima da inflação em menos de um ano em Natal terá reação dos usuários. Uma plenária aberta foi convocada por sete entidades estudantis, incluindo UNE, UBES, UMES e o DCE da UFRN. A assembleia acontece a partir das 14h, na praça 7 de Setembro, em frente ao palácio Felipe Camarão, sede da Prefeitura de Natal.

O Diário Oficial do Município publicou nesta sexta-feira (28) decreto assinado pelo prefeito Álvaro Dias (MDB) reajustando o preço da tarifa dos atuais R$ 4 para R$ 4,25. O novo valor passa a valer a partir do próximo domingo (1).

O Conselho Municipal de Transportes de Natal havia autorizado R$ 4,35. As entidades classificam como “roubo” o novo valor.

– O filme está se repetindo! O Conselho Municipal de Transportes de Natal, que está longe de representar os anseios da sociedade civil, deu mais um passo no sentido de afastar a população de seu direito básico de ir e vir: aprovou um aumento na tarifa, elevando para R$ 4,35 o que já hoje é totalmente excludente! Pra nós, o papo é simples: R$ 4,35 é roubo !”, afirma o texto da convocatória.

Os estudantes listam ainda uma série de problemas envolvendo o transporte público da cidade

– O transporte público em Natal continua sendo retrato perfeito do descaso e do abandono da população, com ônibus precários, frota insuficiente e profissionais superexplorados”, afirmam os estudantes, que destacam o valor autorizado como acima da inflação:

– Esse aumento é de 8,75%, após um ano em que a inflação ficou abaixo da metade disso! E fiquemos atentos, pois o Seturn, que representa os empresários, querem um valor ainda maior!”, destacam.

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo
Jornalista e autor da biografia "O homem da Feiticeira: A história de Carlos Alexandre"