RN tem queda no número de mortes, mas junho supera maio e se torna o mês com maior registro de casos de covid-19
Natal, RN 22 de jun 2024

RN tem queda no número de mortes, mas junho supera maio e se torna o mês com maior registro de casos de covid-19

28 de junho de 2021
RN tem queda no número de mortes, mas junho supera maio e se torna o mês com maior registro de casos de covid-19

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Somente até o dia 27 de junho, foram registrados um total de 66.532 casos confirmados de covid-19 e 573 óbitos provocados pela doença no Rio Grande do Norte, de acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap/ RN). Os números superam o que foi registrado em maio, que era considerado, até então, o mês com o maior número de casos do novo coronavírus, desde o início da pandemia no RN, quando foram contabilizados 42.817 casos confirmados e 591 óbitos.

Nesta segunda (28), a taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivos e UTI’s) é de 71% no RN, sobe para 86% na região Oeste, baixa para 67% no Seridó e para 65% na região metropolitana de Natal. Por causa da falta de leitos críticos, 907 pessoas que estavam com covid-19, morreram na fila de espera para internação. O Estado conta hoje com 118 leitos vagos para pacientes com covid-19 em estado grave, sendo 104 na região metropolitana da capital e 14 no interior. Apesar do aparente controle da pandemia, com a queda da taxa de ocupação de leitos críticos e do número de óbitos, o Rio Grande do Norte parece seguir com um elevado número de contaminações por covid-19. De acordo com os boletins epidemiológicos da Secretaria de Estado da Saúde Pública do RN (Sesap/ RN), em fevereiro foram mais de 26 mil casos de covid-19, mais de 29 mil em março, superou os 26 em abril, os 42 em maio e, agora, os 66 mil em junho, que ainda não terminou.

“O que observamos claramente é que não houve redução, mas uma variação dentro de um platô de casos que segue muito alto. Não podemos dizer que seremos os primeiros a sair da pandemia. A situação ainda exige cautela, pressa na vacinação e medidas restritivas”, avalia José Dias do Nascimento Júnior, professor do Departamento de Física da UFRN e membro do Comitê Científico do Consórcio Nordeste.

Imagens: reprodução Lais/ UFRN

No entanto, o médico epidemiologista, Ion de Andrade, que também é pesquisador do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde da IFRN (Lais/ UFRN), explica que os casos que ocorreram, de fato, em junho, apontam para uma redução da pandemia no Rio Grande do Norte. O que explicaria o aumento no registro dos casos confirmados, seria a entrada de casos ocorridos em meses anteriores no sistema de monitoramento.

“É importante não confundirmos o número de casos registrados com o número de casos do mês. Isso, nós só vamos saber daqui a 15 ou 20 dias, quando números poderão ser acrescentados ou até retirados, porque são informações a confirmar. Os dados flutuam um pouco até a confirmação. Houve em junho a notificação de muitos casos atrasados que não são de junho, mas números acumulados. É bom destacar isso para não pensarem que a pandemia cresceu este mês. Ela está, inclusive, menor”, ressalta Ion de Andrade.

Os boletins epidemiológicos divulgados diariamente pela Sesap vêm sofrendo modificações desde o dia 27 de maio, quando a Secretaria de Saúde passou a omitir informações relativas ao número de exames disponíveis em estoque, aqueles realizados pelos municípios e o percentual dos resultados positivos e negativos de covid-19. Além disso, também foram removidos os gráficos com o histórico de casos e óbitos ao longo da pandemia no RN e a porcentagem dos casos e mortes confirmadas por sexo, faixa etária e comorbidades. Até este domingo (27), o Rio Grande do Norte tinha um total de 336.217 casos confirmados e 6.722 óbitos por covid-19. Além disso, a Sesap ainda investiga outros 157.209 casos e 1.438  mortes suspeitas da doença.

Junho

Casos confirmados: 66.532

Óbitos: 573

Maio

Casos confirmados: 42.817

Óbitos: 591

Gráfico com número de casos da covid-19 no RN I Imagem: reprodução Conass
Gráfico com número de óbitos por covid-19 no RN I Imagem: reprodução Conass
Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.