Diretor da Caern desmente privatização e alerta que, sem regionalização aprovada na AL até quinta (15), RN perderá verba federal

O projeto foi enviado pelo Governo do Estado à Assembleia Legislativa no último dia 21 de junho e colocado para votação no dia 8 de julho. Porém, sem entendimento entre os deputados, a proposta acabou sendo retirada de pauta.

Pintor seridoense levará cotidiano sertanejo para Carrousel do Louvre, na França

Com obras em aquarela que retratam as paisagens e rotina de São João do Sabugi, município do Seridó potiguar, Vandeberg Medeiros participará de mostra do maior museu de arte do mundo, na França, em outubro de 2022.

Em reunião com Queiroga, Governadora do RN cobra calendário de entrega de vacinas pelo Ministério da Saúde

Antecipação da segunda dose passou a ser cogitada depois que estudo da revista Nature apontou que variante delta é resistente a alguns anticorpos, mas é combatida com duas doses da Pfizer ou Oxford/ AstraZeneca.

#ForaBolsonaro: Movimentos sociais e sindicatos vão às ruas nesta terça (13) em “esquenta” para a manifestação de 24 de julho

Além do impeachment de Jair Bolsonaro, os protestos desta terça-feira (13) incluem na pauta o combate à Reforma Administrativa e às privatizações, além de reafirmarem a solidariedade aos povos indígenas

Sem imunização completa, professores do RN vão à Justiça contra volta às aulas presenciais

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sinte/RN) deve ir à Justiça para evitar a volta às aulas presenciais na rede pública estadual antes da conclusão da imunização completa dos trabalhadores das escolas

Condições epidemiológicas da covid-19 no RN permitem retorno das aulas presenciais, avalia Getúlio Marques

O Sindicato dos Trabalhadores da Educação já aprovou um indicativo e anunciou que vai acionar a Justiça para permanecer em formato remoto até a imunização completa dos profissionais, com aplicação da 2ª dose da vacina

Luan Barreto Mossoró - Fotos Esdras Marchezan

Em protesto, familiares e amigos querem saber: quem matou Luan Barreto?

Passados dez dias da morte do estudante universitário, Luan Carlos Melo Barreto, de 23 anos, familiares e amigos continuam querendo uma resposta: quem matou Luan? Cobrando a identificação e punição dos responsáveis pelo crime, eles fizeram um protesto, na tarde deste domingo, em frente ao Teatro Municipal Dix-Huit Rosado e em ruas do centro da cidade.