TRABALHO

Das 7 medalhas de ouro conquistadas pelo Brasil em Tóquio, 4 são de atletas nordestinos

Até a manhã deste sábado (7), o Brasil era o 12º país no quadro de medalhas nas Olimpíadas de Tóquio com 19 subidas ao pódio. Das sete medalhas de ouro ostentadas pelo país, quatro foram conquistadas por atletas que nasceram em estados do Nordeste. É o caso do potiguar Ítalo Ferreira (Surfe) e dos baianos Hebert Conceição (Boxe na categoria até 75 quilos), Isaquias Queiroz (Canoagem de Velocidade) e de Ana Marcela Cunha (Maratona Aquática). Além deles, apenas a paulista Rebeca Andrade (Ginástica Artística – salto feminino), os jogadores de futebol masculino e a dupla Martine Grael (Rio de Janeiro) e Kahena Kunze (São Paulo), que concorreu na Vela (categoria 49er FX) conseguiram subir no ponto mais alto do pódio olímpico.

O Brasil já bateu um recorde ao conseguir três medalhas num único dia, com as vitórias de Isaquias Queiroz, de Hebert Conceição e do futebol masculino, cuja final foi disputada contra a Espanha na manhã de hoje (2X1). Com sete medalhas de ouro, o Brasil alcança a mesma marca das Olimpíadas do Rio 2016. Mas, o país ainda pode ampliar o quadro de medalhas até este domingo (8), último dia das Olimpíadas. A equipe de vôlei feminino disputa a final com os Estados Unidos à 1h30 e Beatriz Ferreira também disputa o ouro no boxe feminino contra a irlandesa Kellie Anne Harrington, às 2h. Além disso, o Brasil tem três atletas na disputa da maratona, que tem os africanos como favoritos.

Na última edição dos jogos Olímpicos, realizada no Rio, o Brasil teve um saldo de sete medalhas de ouro, seis de prata e seis de bronze. Com duas medalhas de prata, no mínimo, já garantidas neste domingo, os atletas brasileiros tiveram em Tóquio o melhor desempenho nos Jogos Olímpicos de toda a história da delegação.

Surfe: Ítalo Ferreira – Rio Grande do Norte
Boxe (categoria até 75 Kg): Hebert Conceição – Bahia
Canoagem: Isaquias Queiroz – Bahia
Maratona Aquática: Ana Marcela Cunha – Bahia

 OURO

Surfe: Ítalo Ferreira – Rio Grande do Norte

Boxe (categoria até 75 Kg): Hebert Conceição – Bahia

Canoagem: Isaquias Queiroz – Bahia

Ginástica Artística (salto feminino): Rebeca Andrade – São Paulo

Vela (categoria 49er FX): Martine Grael e Kahena Kunze – Rio de Janeiro e São Paulo

Maratona Aquática: Ana Marcela Cunha – Bahia

Futebol Masculino

 PRATA

Skate street: Rayssa Leal (Fadinha) – Maranhão

Skate: Kelvin Hoefler – São Paulo

Ginástica Artística (individual geral): Rebeca Andrade

Skate (categoria park): Pedro Barros – Santa Catarina

BRONZE

Judô: Daniel Cargnin – Rio Grande do Sul

Judô: Mayra Aguiar – Rio Grande do Sul

Natação (200m livres): Fernando Scheffer – Rio Grande do Sul

Tênis (dupla feminina): Luisa Stefani e Laura Pigossi – São Paulo

Natação (50m livre): Bruno Fratus – Rio de Janeiro

Atletismo (400m com barreiras): Alison dos Santos – São Paulo

Boxe (peso pesado): Abner Teixeira – São Paulo

Salto com vara: Thiago Braz – São Paulo

 

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Previous ArticleNext Article