Pedro Lopes, controlador do Estado, deixará cargo para ser candidato a deputado estadual pelo PT
Natal, RN 15 de jun 2024

Pedro Lopes, controlador do Estado, deixará cargo para ser candidato a deputado estadual pelo PT

17 de março de 2022
2min
Pedro Lopes, controlador do Estado, deixará cargo para ser candidato a deputado estadual pelo PT

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Na manhã desta quinta-feira, 17, o controlador geral do Estado do Rio Grande do Norte, Pedro Lopes, após um encontro com a governadora Fátima Bezerra (PT) anunciou pelas suas redes sociais que vai se filiar ao Partido dos Trabalhadores e também a sua pré-candidatura a deputado estadual. “Após conversa com a governadora Fátima Bezerra, anuncio minha pré-candidatura a deputado estadual no pleito de 2022. Em breve, estarei me filiando ao PT”, escreveu.

Em conversa com a reportagem da Agência Saiba Mais, Pedro Lopes afirmou que "os primeiros estímulos para eu me dedicar à política surgiram em 2020 quando participei ativamente do programa RN Mais Unido, que coletou e distribuiu máscaras e alimentos para a população mais necessitada, durante a primeira fase da pandemia. Foram seis milhões de máscaras e cem toneladas de alimentos distribuídos", registra.

"Após este trabalho, onde me relacionei com quase mil entidades, recebi os primeiros convites para entrar na política partidária, mas fiz uma reflexão e decidi me dedicar totalmente à controladoria, para a função que eu havia sido convidado a participar do Governo. Porém, em setembro, o chefe de gabinete da governadora, Raimundo Alves, me convidou para entrar no PT e também para ser pré-candidato a deputado estadual. A partir dai, aceitei essa possibilidade e fui dialogar com minha base, pois fui do movimento classista por dezessete anos, tendo sido quatro anos presidente do Sindicato dos Auditores Fiscais e criado uma rede de relacionamentos a partir desse trabalho. Essas pessoas tiveram boa recepção ao nosso projeto e me incentivaram, de maneira que conversei com a governadora nesta quinta e ela reforçou o convite. Então me decidi, tenho
agenda marcada com o presidente do PT, Junior Souto, para tratar da filiação e da pré-campanha", assinalou.

Perguntado sobre bandeiras de campanha, Pedro registrou que "quero reforçar na Assembleia Legislativa os mandatos progressistas e lutar por políticas progressistas que favoreçam as pessoas. Minhas bandeiras são associadas às causas dos trabalhadores e quero estimular o debate sobre o gasto público com responsabilidade, como vem fazendo o Governo Fátima", explicou.

O controlador terá que desincompatibilizar-se do cargo até 1 de abril, segundo a legislação eleitoral.

As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.