TRABALHO

RN gera 1.644 vagas de emprego em fevereiro; maioria é no setor de Serviços

O Rio Grande do Norte fechou o mês de fevereiro com saldo positivo no emprego formal, com o total de 1.644. O número contribui para reversão do baixo desempenho registrado em janeiro, que teve saldo negativo de -2.478, de acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Novo Caged). Segundo análise do Instituto Fecomércio RN, o setor de Serviços é fundamental nesse movimento e está ajudando a recuperação do estado.

Além de Serviços, que somaram 2.028 vagas, a Construção Civil (676) e o Comércio (344) também puxaram a alta, compensando as quedas nos setores de Agropecuária (-1.211) e Indústria (-193).

A tendência é nacional. Todas as regiões tiveram saldo positivo, embora alguns estados ainda registrem números abaixo de zero. No Nordeste, o estado com melhor desempenho foi a Bahia, com saldo de 12.548. O pior foi a Paraíba, com -1.451.

No Brasil, o emprego celetista apresentou crescimento no segundo mês de 2022, registrando saldo total de 328.507 postos de trabalho. Esse resultado decorreu de 2.013.143 admissões e de 1.684.636 desligamentos. O estoque, que é a quantidade total de vínculos celetistas ativos, em fevereiro de 2022 contabilizou 41.157.217, o que representa uma variação de +0,80% em relação ao estoque do mês anterior.

No acumulado do ano de 2022, foi registrado saldo de 478.862 empregos, resultantes de 3.818.888 admissões e de 3.340.026 desligamentos.

Serviços no RN

Em detalhes, as áreas ligadas a Serviços que mais abriram postos de trabalho foram Educação, com 683 vagas; Saúde, com 161; e Imobiliárias, Bancos e Serviços Financeiros e Comunicação, que juntos somaram 738 novos postos.

Já o Turismo, em especial os setores de alojamento e alimentação, também merece destaque na geração de vagas. No mês, foram abertos 399 postos de trabalho, sendo 318 em bares e restaurantes e 81 em hotéis e pousadas.

Esse foi o mês de fevereiro em que esse índice teve melhor desempenho no RN desde 2010, quando o estado registrou saldo negativo de -780 empregos formais.

*Com informações do Novo Caged e Fecomércio RN.

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo