Vereador do PCdoB aciona Ministério Público para investigar dispensa de licitação na Secretaria de Saúde de Natal
Natal, RN 22 de abr 2024

Vereador do PCdoB aciona Ministério Público para investigar dispensa de licitação na Secretaria de Saúde de Natal

24 de março de 2022
2min
Vereador do PCdoB aciona Ministério Público para investigar dispensa de licitação na Secretaria de Saúde de Natal

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

O vereador Pedro Górki (PCdoB) provocou o Ministério Público do Rio Grande do Norte a investigar contrato, sem licitação, firmado pela Secretaria Municipal de Saúde de Natal (SMS) com a empresa de terceirização Clarear Comércio e Serviços e Locação de Mão de Obra.

O termo de dispensa de licitação do contrato milionário foi publicado na terça-feira (22) no Diário Oficial do Município, com assinatura o secretário de Saúde, George Antunes. Em seis meses, a Clarear vai receber RS 6.158.325,00. O valor mensal é de R$ 1.026.387,50.

O proprietário da empresa contratada é Jonas Alves da Silva, titular da JMT Serviços de Locação de Mão de Obra Ltda, que em 2017, foi processada por causa de um contrato semelhante. A ação no Tribunal de Contas da União, resultou na condenação do então secretário de Saúde de Natal, Luiz Roberto Fonseca. As irregularidades se referem à dispensa indevida de licitação.


Saiba Mais:

Prefeitura de Natal contrata, sem licitação, terceirizada com dono da JMT, empresa condenada por contrato semelhante
Ação que condenou ex-secretário de Saúde de Natal por fraude em licitação absolveu JMT, diz advogado da empresa

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.