TRABALHO

INSS tem fila de até três milhões de pedidos à espera de benefício no Rio Grande do Norte

Foto: reprodução Sindprevs/ RN

Ao somar os pedidos represados pela greve com aqueles já existentes, a fila de espera de solicitações de benefício pelo Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) no Rio Grande do Norte chega a três milhões de solicitações, de acordo com a direção do Sindicato dos Trabalhadores Federais em Previdência, Saúde e Trabalho do Rio Grande do Norte (Sindprevs-RN). Apesar de ter os dados gerais sobre o número de solicitações em espera, a direção do sindicato não soube precisar quantas pessoas estão nessa fila.

Até agosto do ano passado, a fila de potiguares que aguardavam análise de benefício pelo INSS era de 31.553 pessoas. O último concurso realizado para o INSS é de 2015, quando foram abertas 950 vagas para todo o país, sendo 20 para o Rio Grande do Norte, distribuídas entre Natal (12) e Mossoró (8). O número não foi suficiente, sequer, para reposição dos funcionários que se aposentaram nos últimos anos.

Para reduzir as filas que se acumulam em todo o país, o governo federal fala em automação. Mas, na prática, o que tem ocorrido é que os processos que eram atendidos por servidores que se aposentaram e não foram repostos, são redistribuídos entre aqueles que permanecem ativos no órgão, o que implica no aumento da fila.

Presidente do INSS e superintendente regional se reúnem com servidores em Natal I Foto: Agência Brasil

Na última quinta (25), o presidente do INSS, Guilherme Serrano, esteve em Natal, juntamente com o superintendente regional do INSS no Nordeste, Marcos de Brito, para discutir a modernização e metas da instituição. A taxa de reposição de funcionários públicos que se aposentaram atingiu o menor índice da história durante o governo Bolsonaro (PL). Enquanto em 2007 o Brasil tinha 333,1 mil pessoas trabalhando no serviço público, em 2020, esse número caiu para 208 mil, segundo dados são do Painel Estatístico de Pessoal (PEP), do próprio governo federal.

A presidência do INSS tinha uma previsão que a fila de espera por concessões de benefícios previdenciários fosse regularizada até o fim do ano passado, o que não aconteceu.

FUNCIONÁRIOS QUE SE APOSENTARAM NO INSS – GERÊNCIA NATAL:

2017 – 63

2018 – 73

2019 – 52

2020 – 06

2021 (até agosto) – 10

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo