DEMOCRACIA

Com imposição de ministro bolsonarista, PP de Beto Rosado tem casamento arranjado com Solidariedade de Allyson e Fábio Dantas

O Partido Progressista (PP), comandado no RN pelo deputado federal Beto Rosado, realizou convenção partidária neste domingo (24) para oficializar as candidaturas da sigla para as eleições de outubro. No encontro, nem Beto nem os outros caciques políticos fecharam posição sobre o apoio ao governo do Estado, liberando os candidatos e filiados para apoiarem quem quiser.

Apesar do clima de “liberou geral”, o PP tem lado: vai integrar a coligação de Fábio Dantas (SD), hoje o principal nome da oposição para enfrentar a governadora e candidata à reeleição Fátima Bezerra (PT). Nas últimas pesquisas, Fátima aparece com mais que o dobro das intenções de voto sobre o ex-vice governador, Fábio Dantas (Solidariedade)

A decisão veio de cima para baixo: o ex-deputado Rogério Marinho (PL), pré-candidato ao Senado na chapa de Fábio Dantas, procurou o ministro das Comunicações Fábio Faria (PP). Juntos, interpelaram ao ministro chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira (PP-PI), que instruiu o partido a se aliar ao grupo de Dantas.

Acontece que, no Rio Grande do Norte, o Solidariedade é a mesma sigla de Allyson Bezerra, prefeito de Mossoró que em 2020 impôs uma derrota histórica à Rosalba Ciarlini, tia de Beto Rosado. A coligação vai levar o tempo de rádio e TV do Progressistas ao Solidariedade, mas não vai fazer os adversários subirem no mesmo palanque.

Em entrevista para o jornal Tribuna do Norte, em maio, Beto já havia sinalizado que o seu partido não iria se unir ao grupo de Bezerra e Dantas. “O partido que ele representa, o Solidariedade, não é amistoso para com os Progressistas. Não tenho incentivo a apoiar um projeto do Solidariedade no Rio Grande do Norte”.

Na mesma entrevista, o deputado afirmou que a discordância era por motivos locais e estaduais. “Toda representação do Solidariedade no Rio Grande do Norte, na minha ideia, não representa os pensamentos progressistas que eu tenho para o Estado e também tem uma questão política local, de Mossoró, que ainda agrava muito mais a situação”, disse à época.

A convenção do Solidariedade para oficializar a candidatura de Fábio Dantas será na próxima sexta-feira (29), às 19h, realizada de forma cartorial na sede do partido, no bairro de Cidade Alta (Zona Leste).

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo