DEMOCRACIA

Governadora Fátima Bezerra assina manifesto em defesa da democracia

A governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT), assinou nesta sexta-feira (29) a Carta às brasileiras e aos brasileiros em defesa do Estado Democrático de Direito. Trata-se de um manifesto elaborado pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (FDUSP) em defesa da democracia e do respeito ao resultado das eleições, que tem ganhado assinaturas de peso nas áreas jurídica, empresarial e financeira do País.

Nesse momento, me somo aos mais diversos setores e lideranças que, mesmo com pensamentos divergentes, entendem a importância de fazer a defesa do Estado Democrático de Direito. Assino a carta porque acredito na democracia brasileira”, afirmou a chefe do poder executivo estadual.

Lançado depois de seguidos ataques do presidente Jair Bolsonaro (PL) contra as urnas eletrônicas e o sistema eleitoral brasileiro, o documento já reuniu mais de meio milhão de assinaturas até a tarde deste sábado (30). Ele será lido na USP, no dia 11 de agosto, data em que se comemora o dia dos estudantes.

No Brasil atual não há mais espaço para retrocessos autoritários. Ditadura e tortura pertencem ao passado. A solução dos imensos desafios da sociedade brasileira passa necessariamente pelo respeito ao resultado das eleições”, afirma o manifesto que já recebeu assinaturas de nomes como o ex-ministro do Supremo Tribunal Federal Celso de Mello, além de Roberto Setubal e Candido Bracher, do Itaú Unibanco, Pedro Passos e Guilherme Leal, da Natura, Walter Schalka, da Suzano, e o ex-ministro da Fazenda, Pedro Malan.

Uma versão em inglês do documento deve ser lançada pelos organizadores, já que os Estados Unidos, depois do Brasil, são o segundo país com o maior número de acessos, seguido por Portugal, Reino Unido e Alemanha.

A “Carta às brasileiras e aos brasileiros em defesa do Estado Democrático de Direito!” e a lista com os nomes foram divulgadas na terça-feira (26) e podem ser acessadas no site da universidade.

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo