DEMOCRACIA

Agosto abre com quatro pesquisas em dois dias e liderança de Fátima em todas; em Caicó, alcança até o triplo do segundo colocado

Nos dois primeiros dias de agosto já foram divulgadas quatro pesquisas eleitorais, que apontam a liderança da governadora Fátima Bezerra (PT) em todas. Além disso, as pesquisas destes dois dias sempre colocam a governadora com no mínimo o dobro de intenções de votos do segundo colocado. Em uma pesquisa feita em Caicó, Bezerra chega a ter o triplo.

Na pesquisa Brâmane, desta segunda-feira (01), Fátima surge com 38%, ante 16,1% de Styvenson Valentim (Podemos) e 12,9% de Fábio Dantas (Solidariedade). Já nesta terça-feira (02), o AgoraSei publicou duas rodadas de pesquisa, sendo uma com abrangência estadual e outra que cobriu apenas o município de Caicó. 

A pesquisa caicoense é onde a petista aparece com a maior margem de diferença para seus adversários: 45,1% de liderança disparada. A vice-liderança é ocupada por Styvenson, com 15,2%, um terço dos números conquistados por Bezerra. Em Caicó, o registro de Fábio Dantas, candidato abonado pelo bolsonarismo, é ainda menor que nos outros levantamentos: somente 4%. Já na AgoraSei estadual, a petista sai na frente com 31,2% das intenções dos eleitores natalenses, contra 14,5% de Valentim e 6,5% de Fábio Dantas.

Mais recente

Depois da pesquisa AgoraSei/96FM, que comprovou mais uma vez a liderança da governadora Fátima Bezerra (PT) e, especialmente, seu favoritismo em Natal-RN, o Instituto Item, em parceria com a 94FM, divulgou mais uma pesquisa que aponta a liderança da petista, desta vez no Rio Grande do Norte.

Na pesquisa espontânea, Fátima aparece com 30%, seguida de Fábio Dantas (Solidariedade) e Styvenson Valentim (Podemos), empatados com 12%. Os demais citados aparecem com 2% ou menos. 

Já na estimulada, Fátima Bezerra aumenta seu percentual de liderança e surge com 39,5% das intenções de voto dos entrevistados. Fábio Dantas, nome apoiado pelo bolsonarismo potiguar, possui 18%, enquanto Valentim aparece em terceiro com 17%. Os dois estão tecnicamente empatados na margem de erro, que é de 2,45% para mais ou para menos.

Em comparação com a pesquisa anterior, a governadora registrou um aumento de 2%, também dentro da margem de erro. Fábio cresceu 1%. O único que teve um aumento fora do percentual de 2,45% foi o atual senador Styvenson Valentim, que no levantamento anterior possuía 14% das intenções. Valentim, entretanto, segue sem confirmar sua postulação ao Governo do RN. A convenção do seu partido, o Podemos, será nesta sexta-feira (5). 

O Instituto Item também perguntou aos potiguares sobre a avaliação dos nomes apontados na pesquisa estimulada. Fátima Bezerra é quem aparece com a maior rejeição, com 25%. Fábio Dantas e Styvenson estão empatados com 16% de rejeição. 

Dividida em todas as regiões do Estado, a pesquisa apontou ainda os melhores desempenhos dos postulantes. Fátima aparece melhor colocada no Seridó, onde chega a bater 46% das intenções. A melhor área para Dantas é no Litoral Sul, cruzando a região em que sua família tem tradição política. Já Styvenson carrega bons índices tanto em Natal, com 23%, como no Litoral Sul. 

A pesquisa Item/94FM ouviu 1.600 pessoas entre os dias 27 a 29 de julho. A margem de erro é de 2,45% para mais ou para menos, enquanto a margem de confiabilidade é de 95%. Ela foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sob o protocolo RN-07835/2022.

Confira os números:

Pesquisa espontânea:

Fátima Bezerra 30,0%

Fábio Dantas 12,0%

Styvenson Valentim 12,0%

Clorisa Linhares 2,0%

Daniel Morais 0,5%

Garibaldi 0,5%

Rodrigo Vieira 0,5%

Rogério Marinho 0,5%

Outros nomes citados 1,0%

Indecisos, Brancos e nulos 41,0%.

Pesquisa estimulada:

Fátima Bezerra 39,5%

Fábio Dantas 18,0%

Styvenson 17,0%

Clorisa Linhares 2,0%

Rodrigo Vieira 1,0%

Daniel Morais 1,0%

Rosália Fernandes 0,5%

Indecisos, brancos e nulos 21,0%

Rejeição

Fátima Bezerra 25,0%

Styvenson 16,0%

Fábio Dantas 16,0%

Clorisa Linhares 4,5%

Daniel Morais 2,5%

Rodrigo Vieira 2,5%

Rosália Fernandes 1,5%

Indecisos, brancos e nulos 32,0%.

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo