CIDADANIA

Justiça Social: Macau sedia debate da SAR e da Comissão de Justiça e Paz

Educação para o desenvolvimento sustentável na perspectiva do bem viver”. Esse é o tema da 27ª edição do Seminário Profetas na Base, que traz em sua essência: o Pilar da Caridade e da Justiça Social, firmado nos valores evangélicos, humanos, ecológicos, entre outros. Depois de dois anos sem realização presencial, o evento acontecerá na Reserva de Desenvolvimento Sustentável Estadual Ponta do Tubarão, município de Macau, entre os dias 19, 20 e 21 de agosto.

Realizado pelo Serviço de Assistência Rural e Urbano em parceria com a Comissão de Justiça e Paz de Macau, organismo da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB, o seminário segue a linha do Ensino Social da Igreja, motivando cada sujeito a assumir sua missão profética diante do mundo.

Esperamos acolher com alegria os profetas e as profetisas do povo, homens e mulheres que sonham com um novo jeito de ser Igreja e de uma Sociedade do Bem Viver”, disse o Diácono e membro da coordenação do SAR, Francisco Adilson.

A temática escolhida em cada ano, leva em consideração as reflexões da Campanha da Fraternidade. Neste ano, além do tema da CF/2022 (Educação e fraternidade), integram a programação o tema da 6ª Semana Social Brasileira (Mutirão pela vida, por terra, teto e trabalho) que estão integrados entre si.

O Papa Francisco vem insistindo na necessidade do mundo refletir sobre as novas formas de construção de relações entre as pessoas e destas com a natureza e a Mãe Terra. Daí o incentivo à reflexão sobre a Economia de Francisco e Clara que diz respeito a uma nova forma de mercado, onde a pessoa e o meio ambiente sejam prioridades e não o lucro exacerbado que gera desigualdades, violência e morte.

Em suas primeiras edições, o seminário acontecia no Centro de Educação Integrada Monsenhor Honório – CEIMH, da Paróquia de Macau, e contava com cerca de 80 participantes durante o final de semana. A partir de 2015 com a reorganização do Setor Social da Arquidiocese, o evento tomou maiores proporções passando a acontecer na Reserva de Desenvolvimento Sustentável Estadual Ponta do Tubarão (RDSEPT), no Centro Ama-Goa Rancho, comunidade de Diogo Lopes passando a contar com a participação de 250 a 300 pessoas.

Para mais informações, através dos telefones: (84) 98709-0830 l (84) 99682-8857 ou das redes sociais: @sarnatalrn.

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo