São Gonçalo: UBS Mangueirão promove atividade de encerramento do Setembro Amarelo
Natal, RN 13 de abr 2024

São Gonçalo: UBS Mangueirão promove atividade de encerramento do Setembro Amarelo

30 de setembro de 2022
2min
São Gonçalo: UBS Mangueirão promove atividade de encerramento do Setembro Amarelo

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

A equipe da Unidade Básica de Saúde do Mangueirão promoveu, na tarde desta quinta-feira (29), o encerramento da campanha Setembro Amarelo. Na ocasião, usuários da UBS puderam participar de palestras e também de ações de relaxamento.

O encontro contou com a presença da secretária de saúde, Aldenísia Albuquerque, que destacou a importância de momentos como este para o bem-estar dos pacientes. “É importante momentos como esse, pois eles demonstram o cuidado e o carinho dos nossos profissionais para com aqueles que aqui chegam. Toda a equipe da UBS Mangueirão está de parabéns”, disse.

A primeira palestra foi ministrada pela médica Isabela Taciana, que deu orientações sobre a rede de apoio do SUS para tratamento da saúde mental. Além disso, ela ainda falou sobre os tratamentos não-farmacológicos, que podem auxiliar no relaxamento de estresses do dia a dia e que podem contribuir, também, com o bem-estar.

A psicóloga Ana Lícia, que também promoveu palestra sobre as questões que podem desencadear transtornos, bem como dados sobre o número de suicídios e como é possível auxiliar pessoas com algum tipo de problema mental, falou sobre o quão importante é discutir essas questões. “Nós estamos na atenção básica. Sabemos que um grande número das questões de saúde pode ser resolvido através da prevenção. Então é muito importante a gente falar das questões emocionais e das questões mentais, porque tudo é uma ação de saúde. As doenças mentais e os transtornos mentais mais severos podem ser evitados se as pessoas tiverem cuidados em saúde. Além disso, muitos deles são tratáveis e a pessoa pode ser reabilitada a ter uma vida normal”, encerrou.

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.