Bolsonaristas do RN reconhecem vitória de Lula apesar do silêncio de Bolsonaro
Natal, RN 25 de jun 2024

Bolsonaristas do RN reconhecem vitória de Lula apesar do silêncio de Bolsonaro

31 de outubro de 2022
5min
Bolsonaristas do RN reconhecem vitória de Lula apesar do silêncio de Bolsonaro

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

O presidente Jair Bolsonaro (PL) foi derrotado no segundo turno das eleições, realizado neste domingo (30), se tornando assim o primeiro chefe do Planalto a não conseguir se reeleger. Adversário e crítico ferrenho de Luiz Inácio Lula da Silva (PT), o vencedor, Bolsonaro não reconheceu o insucesso até a tarde desta segunda-feira (31). Por outro lado, parlamentares e aliados do presidente no Rio Grande do Norte já aceitaram o triunfo do petista na disputa.

Na Assembleia Legislativa do RN, o PL elegeu quatro deputados entre 24 nomes. Já na Câmara Federal, a sigla terá também quatro nomes, representando metade da bancada potiguar. A incógnita está em Wendel Lagartixa, deputado estadual eleito que teve o registro de candidatura indeferido pelo Ministério Público Eleitoral devido a condenação por crime hediondo. Caso o plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) confirme a decisão, o PL perde uma vaga na ALRN.

Integrante do primeiro escalão do governo Bolsonaro, o ministro das Comunicações, Fábio Faria, postou uma foto ao lado do presidente ainda no domingo, depois da Justiça Eleitoral reconhecer a vitória do PT. Ele apenas comentou: “Você resgatou o nosso orgulho de ser brasileiro. Obrigado, Jair.”

Já o ex-ministro do Desenvolvimento Regional e senador eleito, Rogério Marinho destacou a “coragem, determinação e resiliência” do candidato perdedor. “Muito obrigado pelo exemplo de amor ao nosso País. Nada foi mais inspirador que ter a oportunidade de servir ao BRASIL do seu lado e sob sua liderança. Estamos juntos na defesa do legado de amor ao nosso povo”, afirmou.

Deputados federais eleitos

Entre os deputados federais eleitos pelo PL no RN, apenas o presidente estadual da legenda, João Maia, não se pronunciou publicamente. Sua última publicação nas redes sociais foi uma postagem junto a esposa Shirley Targino, prefeita do município de Messias Targino, durante evento de campanha do candidato. De acordo com o casal, eles estavam “levando a mensagem de um Brasil forte”.

Enquanto isso, o ex-governador Robinson Faria, pai do ministro Fábio Faria, se limitou a compartilhar a mesma publicação feita pelo filho. Ele apenas acrescentou: “tenho orgulho de você, meu filho Fábio Faria! Você foi um guerreiro!”.

Sargento Gonçalves, eleito na esteira da popularidade de Wendel Lagartixa, disse que “Deus continua no controle”. O “Lagartão”, como também é conhecido, gravou ainda um vídeo de 15 minutos entre discurso e oração, e foi o mais sincero a admitir a derrota nas urnas.

"Não há como provar que houve algum tipo de mutreta. É aceitar o resultado democrático e lutar e ser resistência. É a direita se unir. Os conservadores, os cristãos acima de tudo, a Igreja se unir nesse momento que será um momento difícil para o povo de Deus”, pontuou.

General Girão, um dos mais fiéis aliados do presidente e eleito na “onda bolsonarista” de 2018, se limitou a compartilhar um vídeo em que supostamente presidiários comemoram a vitória do candidato do PT. Nesta linha, preferiu adotar uma postura de acusação e não de proposição ao futuro governo. Ainda não se sabe a veracidade do vídeo. Após o primeiro turno, bolsonaristas compartilharam uma outra gravação em que detentos supostamente também comemoravam a votação de Lula. A Agência Lupa, especializada em checagem de fatos, comprovou que o vídeo era montagem e que o áudio era adulterado.

Deputados estaduais eleitos

Na ALRN, Lagartixa também admitiu o insucesso do domingo. Entretanto, compartilhou apenas um vídeo com uma criança chorando a derrota, e lamentou. 

“Nosso presidente perdeu a batalha, mas nós não perdemos a guerra. Nós vamos lutar sim pelo estado do Rio Grande do Norte. Acredito que depois desse vídeo, não só eu, como todos os políticos eleitos do estado do Rio Grande do Norte, têm obrigação de defender você, sua família, e o cidadão de bem, independente de ideologia política”, disse.

Neilton, vice-prefeito de Apodi e neófito na Assembleia, postou apenas um vídeo com a família na manhã desta segunda (31) em que desejou “uma boa semana para todos nós”. Antes disso, suas últimas publicações haviam sido uma foto durante a votação, ao lado da urna, e um card em que diz “Sou Neilton e voto Bolsonaro 22 no 2º turno”. 

O reeleito Coronel Azevedo compartilhou o título de uma matéria da Revista Oeste, intitulada “Ditadores da América Latina parabenizam Lula por vitória”. A Revista Oeste é bolsonarista e apoiadora do presidente. Em abril deste ano, ela chegou a entrar na Justiça para censurar a agência de checagem Aos Fatos, depois que o site identificou desinformações em duas matérias da revista. No mês seguinte, a liminar foi derrubada e o Aos Fatos restabeleceu as matérias censuradas. 

Quem passou despercebida ao longo da campanha foi Terezinha Maia. Embora seja do partido do presidente, ela não se pronunciou publicamente em nenhum momento sobre apoio ao candidato. Seu último post foi durante a votação, em que falou que estava “exercendo meu direito de cidadania”.

Resultados locais

Historicamente, o Nordeste é uma região favorável ao PT, e repetiu a tradição em 2022. Neste ano, Lula obteve 69,34% dos votos válidos entre os nordestinos, contra 30,66% de Bolsonaro. Já no Rio Grande do Norte, estado da governadora Fátima Bezerra (PT), Lula terminou a corrida com 65,10% dos votos, ante 34,90% do atual presidente. A única cidade potiguar a dar vitória a Bolsonaro foi Parnamirim; em todas as outras 166, o êxito foi do candidato petista.

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.