CULTURA

Festival Cine Terreiro está com inscrições abertas para novos filmes

A segunda edição do Festival Cine Terreiro já está na rua. Esse festival tem como missão fortalecer a preservação da memória e identidade das culturas de matriz afro-brasileira e indígena através da exibição de produções audiovisuais cinematográficas.

A edição do Festival em 2022 começou suas atividades através da Mostra Retrospectiva (que ocorre no período de 10 a 17 de de novembro de 2022) e abertura de inscrições para novos filmes, no período de 10 a 20 de novembro de 2022. Depois chegará o momento das Mostras Principais (Mostra Grão e Mar), que serão exibidas no período de 5 a 11 de dezembro de 2022.

Todas essas exibições são gratuitas e ocorrem em ambiente online, no site www.cineterreiro.com.br ,utilizando a plataforma de streaming do festival.

A Mostra Retrospectiva é composta por 16 filmes que participaram da edição anterior do festival, incluindo os filmes que foram vencedores da premiação em 2021. É o momento de recordar os filmes da última edição, enquanto o público se prepara para os filmes da nova edição.

Já as Mostras principais, que estarão disponíveis online em dezembro, são chamadas Grão e Mar, e terão caráter competitivo. Elas se diferenciam pelo fato de que a Mostra Grão é direcionada para realizadores iniciantes e a Mostra Mar é indicada para realizadores que já estão dirigindo o seu segundo curta-metragem e têm, portanto, mais experiência.

O idealizador desse projeto, Rodrigo Sena, conta que a iniciativa teve início em 2015, quando ele fazia individualmente, de forma bastante artesanal, exibições de filmes com essa temática em casas de religiosas de matriz afro-indígena na Grande Natal. Depois foram chegando outros colaboradores até que em 2021 houve a oportunidade de transformar essa mostra de filmes na primeira edição do festival, que contou com oficinas de capacitação e a participação de 10 casas religiosas da cidade, tendo apoio de editais públicos de incentivo à cultura.

Nesse sentido, o Cine Terreiro é um festival que procura enaltecer e prestigiar o patrimônio imaterial de matriz afro-brasileira e indígena, abraçando também vertentes como o neo xamanismo, e utiliza a exibição de filmes relacionados a essas temáticas como motor para enriquecer o respeito e pertencimento a essas culturas. Dessa maneira, entendemos que formar um público interessado em assistir e discutir filmes sobre esses assuntos – que envolvem mito, religiosidade e cultura de terreiros – pode contribuir para diminuição da segregação e preconceito contra esses grupos.

Rodrigo Sena, ressaltou ainda que “queremos proporcionar aos espectadores não um ambiente acadêmico, mas, sim, de entretenimento e cultura; oferecendo, a todos que participem do festival, um lugar acolhedor”.

Esse ano, devido a dificuldade em arrecadar de incentivos públicos, o festival voltou a ser realizado com recursos próprios de seus realizadores, que entenderam a necessidade de manter a continuidade anual do projeto para atender a carência de iniciativas voltadas a essa temática. O CINE TERREIRO 2022 é uma produção conjunta da Bobox Produções e tem como realizadores a Ori Audiovisual, Cruzeiro Filmes, Cirandas Coletivo de Assessorias e apoio da Onã Jóia de D´orisá.

 

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo