RN tem terceiro maior índice de presença no primeiro dia do Enem 2022
Natal, RN 28 de mai 2024

RN tem terceiro maior índice de presença no primeiro dia do Enem 2022

14 de novembro de 2022
2min
RN tem terceiro maior índice de presença no primeiro dia do Enem 2022

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

O Rio Grande do Norte registrou a terceira maior taxa de presença do país no primeiro dia do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2022: 74,6% dos candidatos inscritos para a prova impressa compareceram nesse domingo (13), ou seja, 64.598 potiguares.

De acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), o RN ficou atrás apenas do Sergipe (76,2% de presença) e do Piauí (74,9%), ficando também à frente da média nacional, que foi de 73,3% de comparecimento.

Com relação à prova digital, o estado teve o segundo melhor índice: 54,7. Nessa modalidade, que tem tradicionalmente uma taxa maior de faltosos, o RN ficou atrás apenas do Pará, que somou 55,7% de presença no Enem digital 2022.

No Brasil, mais de 2,4 milhões de estudantes fizeram a primeira etapa do Enem. O número corresponde a 73,3% dos 3,4 milhões de inscritos nas duas versões da prova — impressa e digital.

Os participantes responderam a questões de linguagens, códigos e suas tecnologias, ciências humanas e suas tecnologias, além da redação, cujo tema foi "Desafios para a valorização de comunidades e povos tradicionais no Brasil".

O exame continuará no próximo domingo (20), quando será a vez de resolver tópicos de ciências da natureza e suas tecnologias, e matemática e suas tecnologias. O Inep divulgará os gabaritos até o dia 23 deste mês, conforme previsto em edital.

Enem

O Exame Nacional do Ensino Médio avalia o desempenho escolar dos estudantes ao término da educação básica. Ao longo de mais de duas décadas de existência, tornou-se uma das principais portas de entrada para a educação superior no Brasil, por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e de iniciativas como o Programa Universidade para Todos (ProUni), ambas ações do Ministério da Educação (MEC).

Instituições de ensino públicas e privadas utilizam o Enem para selecionar estudantes. Os resultados são usados como critério único ou complementar dos processos seletivos, além de servirem de parâmetros para acesso a auxílios governamentais, como o proporcionado pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.