Antenor assume PGE destacando conquistas e chefe da Administração Penitenciária fala em “convite inesperado”
Natal, RN 20 de jul 2024

Antenor assume PGE destacando conquistas e chefe da Administração Penitenciária fala em “convite inesperado”

12 de janeiro de 2023
5min
Antenor assume PGE destacando conquistas e chefe da Administração Penitenciária fala em “convite inesperado”

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Tomaram posse na tarde desta quinta-feira (12) os 21 novos secretários estaduais do Rio Grande do Norte, em cerimônia que contou com a presença da governadora Fátima Bezerra (PT), Dentre as novidades, o ex-vice-governador Antenor Roberto assume agora a Procuradoria-Geral do Estado (PGE). Na Administração Penitenciária (Seap), o novo titular é Helton Xavier, que citou o “convite inesperado” para a pasta.

Antenor Roberto sai após quatro anos na vice-governadoria. O novo procurador-geral destacou o trabalho na última gestão e os feitos da PGE, anteriormente comandada por Luiz Antônio Marinho da Silva. Roberto elogiou “as obras, orientações para os novos contratos, financiamento do Banco Mundial”, sob apoio da Procuradoria.

“Então, a PGE integrando o gabinete da governadora Fátima Bezerra, junto com as outras instituições de Controle e as secretarias como a da Administração, Finanças, Tributação, todas integradas, conseguimos deixar o Estado em condições de organização, preparada agora para os novos desafios e capacitada para atrair novos investimentos”, afirmou.

No primeiro escalão, o PCdoB, sigla do novo PGE, integra duas secretarias. Está presente ainda na Secretaria das Mulheres, da Juventude, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos (Semjidh), com Olga Aguiar. Antenor se disse satisfeito com o espaço ocupado pelo partido.

“Nós chegamos a um bom termo nessa composição do governo”, disse, parabenizando a direção da sigla “pela boa condução desse processo de composição”.

“Acho que estamos hoje aqui todos em festa para celebrar os quatro anos de um ciclo em que nós fizemos uma travessia longa, dura e penosa, mas entregamos um novo estado do Rio Grande do Norte”, pontuou.

Na Seap, Helton Xavier chega para substituir Pedro Florêncio.

“O convite foi meio inesperado. Eu sou policial rodoviário federal, estava cedido para o Estado, estava voltando já, retornando pra polícia, quando houver esse convite da governadora me chamando pra ajudá-la”, comentou.

Segundo Xavier, o principal desafio na administração dos presídios será implementar a Política Estadual de Segurança Pública, que instituiu o Sistema de Segurança Pública do Rio Grande do Norte. Ele próprio foi um dos elaboradores.

“Dentro desses dois institutos há uma série de medidas a serem adotadas em relação às metas, aos trabalho de presos, estudo de presos, ampliação de presídios, em relação à parte de reestruturação administrativa. São muitos os desafios, mas é uma coisa de cada vez, estou chegando agora, tomando o pé da situação da secretaria. Sei que já houve vários avanços durante esse governo e a principal tarefa é essa, dar continuidade aquilo de bom e os ajustes que forem necessários nós iremos fazer”, falou.

Já Paulo Lopes Varela retorna para o secretariado depois de mais de duas décadas, assumindo agora a Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh).

“Há 23 anos atrás eu tomei posse pela primeira vez, quando começou o grande projeto de adutoras. Eu sou funcionário da secretaria e nos últimos anos estava assessorando o secretário João Maria Cavalcante. Portanto, estou dentro de casa, saindo de uma porta e entrando em outra”, afirmou.

A pasta que Varela assume está dentro das prioridades de Fátima para a segunda gestão. Por diversas vezes, a governadora repetiu que entre suas três principais obras estão serviços de ampliação dos canais de água no interior.

“Na área de meio ambiente nós vamos priorizar as políticas públicas de saneamento, do resíduo sólido, do reúso, todas essas questões terão suas leis, umas já estão no prelo e outras nós construiremos. Na área dos recursos hídricos nós iremos atuar com prioridade para a área de gestão, junto com os Comitês, nos instrumentos de gestão, na outorga, na organização do uso da água, e evidentemente também nas grandes obras”, elencou o novo chefe da Semarh. 

“Nesta, em particular, nós temos a chegada da transposição do São Francisco  um grande horizonte que se abre. Então nós temos obras que já estão em construção e faltam ser terminadas. A Barragem de Oiticica, o Projeto Seridó, a finalização da recuperação da [Barragem] Passagem das Traíras e outras obras que estão em construção ou com projeto para começar, como é o caso da adutora do Agreste. Com a chegada da transposição do Rio São Francisco, há possibilidade de projetos de irrigação em outras adutoras do Alto Oeste, por exemplo. Há um rol de obras. Se eu pudesse sintetizar, eu diria que nós temos um projeto de continuidade, com avanço e inovação”, destacou Varela.

O secretário chega como indicação do MDB, por meio do vice-governador Walter Alves. 

“Certamente me sinto com toda confiança, tanto da governadora quanto do deputado Walter Alves que indicou meu nome para que assuma a secretaria. Não estou vindo de fora. Sempre estive aqui. Vinte e três anos depois, mas com a mesma energia. Os cabelos podem estar mais brancos, mas o brilho e sangue nos olhos para fazer continua o mesmo”, brincou.

As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.