Gilson Matias assume direção-geral da Fundação José Augusto; Mary Land continua secretária extraordinária de Cultura
Natal, RN 13 de abr 2024

Gilson Matias assume direção-geral da Fundação José Augusto; Mary Land continua secretária extraordinária de Cultura

28 de fevereiro de 2023
2min
Gilson Matias assume direção-geral da Fundação José Augusto; Mary Land continua secretária extraordinária de Cultura

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

José Gilson Matias Barros deve ser nomeado nos próximos dias diretor-geral da Fundação José Augusto. Do círculo mais próximo da governadora Fátima Bezerra (PT), atualmente ele ocupa o cargo de coordenador do Gabinete Civil e lida com a agenda da chefe do executivo.

Matias vai atuar na gestão cultural ao lado de Mary Land Brito, que foi nomeada secretária extraordinária de Cultura, atendendo a sugestão de artistas e produtores culturais. Há exemplos de outros estados e municípios, inclusive Natal, em que a pasta da Cultura mantém as duas estruturas, com fundações e secretarias.

Gilson Matias é professor aposentado do Estado e militante do setor cultural e do Partido dos Trabalhadores, pela corrente Avante, a mesma de Fátima Bezerra.

Na gestão da ex-ministra da Cultura Martha Suplicy, no governo Dilma Rousseff, ele assumiu a chefia regional Nordeste do MinC, deixando a pasta em 2016, após o golpe que levou Michel Temer à presidência da República. Antes da pasta, trabalhou na Secretaria Executiva do Ministério da Educação, em Brasília.

Maryland é jornalista, professora de Produção Cultural do IFRN e diretora do audiovisual Maryland Brito.

Mary Land Brito é jornalista e mestra em Multimeios pelo Instituto de Artes da Universidade Estadual de Campinas - Unicamp. É professora, e ex- coordenadora do Curso de Produção Cultural do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia - IFRN Campus Natal Cidade Alta, tendo como principais disciplinas ministradas as relacionadas ao Audiovisual.

Foi coordenadora de Informação e chefe de gabinete da Secretaria Nacional de Promoção dos Direitos da Pessoa com Deficiência da Presidência da República em 2015 e 2016. Em cooperação técnica com o Instituto Federal de Brasília – IFB ajudou a implantar os cursos técnicos em Produção de Áudio e Vídeo. Foi coordenadora da Cinemateca Potiguar, projeto de extensão do IFRN, que atua na preservação, memória e difusão do audiovisual.

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.