Pomadas com substância proibida usadas para modelar e trançar cabelos são retiradas de prateleiras em Natal   
Natal, RN 17 de jul 2024

Pomadas com substância proibida usadas para modelar e trançar cabelos são retiradas de prateleiras em Natal   

19 de fevereiro de 2023
2min
Pomadas com substância proibida usadas para modelar e trançar cabelos são retiradas de prateleiras em Natal   

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Desde essa última quinta (16), pomadas utilizadas para trançar, modelar ou fixar cabelos, estão sendo retiradas das prateleiras dos estabelecimentos comerciais em Natal (RN), por conter substância proibida.  

As inspeções nos estabelecimentos comerciais (varejo e atacado) e serviços de embelezamento têm sido cumpridas pelo setor de Vigilância Sanitária da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e segue uma determinação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que determinou no último dia 10 a retirada de todas as pomadas para cabelo do mercado como medida preventiva, depois de constatar efeitos indesejados e que colocam a saúde em risco, no caso do uso de alguns produtos. 

A medida é preventiva e vale enquanto não forem concluídas as investigações de irritação ocular. Esses produtos não devem ser utilizados ou comercializados. Solicitamos que até mesmo os produtos comprados antes da proibição não sejam utilizados por consumidores e salões de beleza”, alertou a diretora do Departamento de Vigilância em Saúde, Vaneska Gadelha. 

Em alguns casos, a Anvisa notificou reações como cegueira temporária (perda temporária da visão), forte ardência nos olhos, lacrimejamento intenso, coceira, vermelhidão, inchaço ocular e dor de cabeça, por causa do uso dos produtos. 

As sequelas citadas ocorreram, principalmente, entre pessoas que relataram banho de mar, piscina ou chuva, depois de terem utilizado os produtos. 

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.