Explosão de bomba não causou abalo na estrutura da ponte de Igapó, diz Itep
Natal, RN 16 de jun 2024

Explosão de bomba não causou abalo na estrutura da ponte de Igapó, diz Itep

22 de março de 2023
3min
Explosão de bomba não causou abalo na estrutura da ponte de Igapó, diz Itep

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

O Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) negou que a explosão embaixo da ponte de Igapó, ocorrida nesta terça (21), tenha causado abalo à estrutura. O comunicado foi feito pelo diretor geral do órgão, Marcos Brandão, após perícia feita pelos servidores. 

“Foi visto que não houve nenhum dano em decorrência dessa explosão, considerando que o artefato era composto por pólvora prensada. A pólvora tem um baixo poder de detonação, consequentemente não tinha condições de abalar a estrutura da ponte”, afirmou o diretor.

Imagens feitas após o atentado mostram rachaduras na estrutura. Mas, segundo Brandão, elas não estão relacionadas à explosão feita pelos criminosos e disse que foram causadas por um “processo de degradação estrutural da ponte”.

“No momento da revisão da perícia foi visto uma fratura em uma das colunas daquela ponte. Aquela fratura não tem nada a ver, não se correlaciona com a explosão do artefato ontem (21)”, continuou o perito.

Ainda de acordo com o diretor geral, o Itep fez apenas a realização da perícia para constatar se houve algum dano decorrente da explosão. Agora, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) deve fazer a avaliação da fratura. 

Secretário de Infraestrutura do Estado (SIN), Gustavo Coelho disse que a pasta acompanhou a vistoria, mas a responsabilidade sobre as obras no local é do Dnit. 

“Toda e qualquer manutenção, intervenção, correção tem que ser feita pelo Dnit. No momento nós fomos lá porque tão logo houve a explosão do artefato, a governadora me acionou, nós acompanhamos a vistoria, até para que a gente pudesse ver também que não havia riscos, como de fato se comprovou”, afirmou. 

“Quanto a estrutura da própria ponte, o Dnit informou que está procedendo um levantamento. Eles contrataram uma empresa por meio de um regime de contratação para que a empresa elabore os projetos e em seguida inicie a execução da obra de recuperação da ponte”, completou o titular da SIN.

Procurado, o Dnit informou que aguarda o relatório, que deve sair ainda nesta quarta (22), para em seguida emitir um parecer.

Já o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do RN (Crea-RN) disse que está em contato com os demais órgãos para acompanhar a situação da ponte de Igapó e deve visitar o local em breve.

As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.