Por igualdade, Câmara de Natal aprova ponto facultativo nos jogos da Seleção feminina na Copa
Natal, RN 24 de jul 2024

Por igualdade, Câmara de Natal aprova ponto facultativo nos jogos da Seleção feminina na Copa

3 de março de 2023
3min
Por igualdade, Câmara de Natal aprova ponto facultativo nos jogos da Seleção feminina na Copa

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

A Câmara Municipal de Natal aprovou nesta semana um projeto que garante ponto facultativo aos servidores da Casa durante os jogos da Seleção Feminina de Futebol durante a Copa do Mundo deste ano. 

O projeto é de autoria da ex-vereadora Divaneide Basílio (PT) e foi subscrito por Brisa Bracchi (PT) e Daniel Valença (PT). O objetivo é garantir equidade entre as competições femininas e masculinas, já que, no caso da seleção formada por homens, tradicionalmente o funcionalismo público e empresas privadas concedem folga. 

Para Divaneide, Natal será pioneira nessa política.

“A intenção é chamar a atenção e provocar o debate sobre a pouca equidade no esporte. São muitas as questões a serem superadas no futebol feminino como a paridade salarial, a valorização profissional e tantas outras. Queremos criar ferramentas de promoção dessa superação”, afirmou.

Já Brisa destacou a busca pela igualdade.

"Trata-se de um projeto que vem no sentido da gente poder construir cada vez mais igualdade entre homens e mulheres no campo do esporte, tendo em vista os desafios enfrentados pelo desporto feminino”, afirmou Brisa.

“O Brasil possui uma excelente seleção feminina de futebol que merece todo nosso apoio. Então, como o ponto facultativo é adotado nas partidas da seleção brasileira na Copa do Mundo Masculina, entendemos que o mesmo direito deve ser dado para os jogos da nossa seleção na Copa do Mundo Feminino. Que a gente possa estar na torcida pelas mulheres do Brasil", completou a parlamentar.

O torneio será realizado entre 20 de julho e 20 de agosto e o ponto facultativo vale só para os servidores da Câmara de Natal. A estreia do Brasil será no dia 24 de julho, contra o Panamá. No grupo F da competição, a equipe enfrenta ainda as seleções da França e Jamaica na primeira fase.

Projeto em Brasília quer meia-entrada para mulheres em jogos de futebol

Já na Câmara Federal, em Brasília, um projeto de lei apresentado pela deputada Sâmia Bomfim (PSOL-SP) quer conceder a meia-entrada para mulheres em todos os jogos de futebol realizados no território nacional. O benefício seria concedido em até 50% do total dos ingressos disponíveis para cada jogo.

Na justificativa, a parlamentar aponta os problemas envolvendo o futebol feminino no país, como a proibição da modalidade praticada por mulheres durante 38 anos, que forjou “uma ideia nacional de um esporte feito por homens e para os homens”

“Todo esse histórico também reflete na ausência de políticas públicas de investimento para que mais mulheres possam jogar e assistir partidas de futebol. Não é incomum, ainda hoje, que mulheres que não estejam acompanhadas de figuras masculinas sejam vistas com certo desconforto nas arenas pelo Brasil, como se essas mulheres não fossem parte significativa das torcidas”, reage Sâmia.

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.