Fátima vai à China com Lula em agenda tecnológica e ambiental para o RN
Natal, RN 20 de jun 2024

Fátima vai à China com Lula em agenda tecnológica e ambiental para o RN

11 de abril de 2023
2min
Fátima vai à China com Lula em agenda tecnológica e ambiental para o RN

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

A governadora Fátima Bezerra (PT) embarcou nesta terça-feira (11) para a China a convite do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

No país asiático, dentre outros temas, Lula discutirá a relação comercial com a China, o conflito entre Rússia e Ucrânia, além de acompanhar a cerimônia de posse da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) para a chefia do banco dos Brics. Está ainda agendada uma reunião com o líder chinês, Xi Jinping. Já Fátima tratará de temas políticos e ambientais relativos ao Rio Grande do Norte. 

A ideia da governadora é apresentar projetos como o do Porto-indústria Verde, discutir o fornecimento de turbinas eólicas, o potencial na área da mineração e também a possibilidade de exportação do camarão da espécie Vannamei, que é produzido no RN.

A comitiva potiguar cumprirá agenda até 19 de abril. Neste período, quem está à frente do governo é o vice Walter Alves (MDB). Junto com Fátima, estão os secretários do Desenvolvimento Econômico, Jaime Calado; do Desenvolvimento Rural e da Agricultura Familiar, Alexandre Lima; da Comunicação, Daniel Cabral e do coordenador de Desenvolvimento Energético da Sedec, Hugo Fonseca.

Nas redes sociais, ela classificou a China como “um dos mais importantes parceiros do Brasil” e também citou temas como tecnologia, informação e agricultura familiar na agenda potiguar na Ásia.

Outros políticos brasileiros acompanham o presidente brasileiro na viagem. Na lista estão sete ministros e cinco governadores, incluindo Fátima. Os outros são os chefes do Executivo da Bahia, Jerônimo Rodrigues; do Ceará, Elmano de Freitas; do Maranhão, Carlos Brandão, e do Pará, Helder Barbalho.

Completam a comitiva do governo federal senadores, deputados federais, numa lista com cerca de 40 nomes.

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.