Financiamento de R$ 1,6 bi, BR-304 e tapa-buraco: Fátima Bezerra fala sobre investimentos em estradas do RN
Natal, RN 16 de jun 2024

Financiamento de R$ 1,6 bi, BR-304 e tapa-buraco: Fátima Bezerra fala sobre investimentos em estradas do RN

11 de maio de 2023
Financiamento de R$ 1,6 bi, BR-304 e tapa-buraco: Fátima Bezerra fala sobre investimentos em estradas do RN

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

A governadora Fátima Bezerra (PT) comentou nesta quinta-feira (11) sobre parte dos investimentos reservados às estradas do Rio Grande do Norte. Em entrevista ao Bom Dia RN, da InterTV Cabugi, ela falou sobre as obras para trechos críticos e um financiamento bilionário que o governo deve ter acesso até o final do ano.

"Nesse exato momento [temos] R$ 65 milhões para operação tapa-buraco. As equipes estão nos sete distritos rodoviários. Ao mesmo tempo, estamos licitando mais um lote de R$ 75 milhões para restauração dos trechos críticos”, comentou.

“E a melhor notícia é um financiamento em torno de R$ 1,6 bi. O reembolso dele se daria em quatro parcelas e a primeira parcela, se Deus quiser, nós vamos ter acesso até dezembro. Ao mesmo tempo [temos] os projetos executivos prontos. Já tem mais de 30 projetos executivos de restauração das estradas, de novos trechos rodoviários”, explicou.

Viagem à China

Na entrevista, a governadora falou sobre os resultados da viagem da comitiva potiguar à China junto ao presidente Lula e da implantação de um Centro de Certificação e Lapidação de Gemas, que vai funcionar no IFRN Currais Novos. 

“Significa agregar valor a essa riqueza mineral que temos no RN”, afirmou.

Sob investimento de R$ 3 milhões obtidos com emenda parlamentar, o local deve ser inaugurado até o início do próximo ano, segundo Fátima.

“Essa pedra, na hora que é lapidada, ganha um certificado e o valor dela vai subir quase cinco vezes mais, e com esse certificado ela vai para a China, de repente vai ser exportada”, disse.

ICMS

Repetindo o mantra da reconstrução das pontes com o governo federal, Fátima comentou sobre a boa relação com o novo governo Lula e as dificuldades enfrentadas na gestão passada, de Jair Bolsonaro. 

Um dos reflexos negativos frutos do governo anterior, segundo ela, foi a diminuição da alíquota do ICMS, que também diminuiu os repasses ao RN. Ela criticou a maneira como a mudança foi efetuada. 

“Feita de maneira irresponsável, eleitoreira, oportunista, sem nenhum debate com os estados, e aquilo causou um abalo nas nossas finanças, somente de setembro a dezembro, de quase R$ 500 milhões de reais”, explicou.

As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.