Agripino mantém indicação de crítico do PT para Codevasf: “Não há porque humilhar o rapaz”
Natal, RN 20 de jun 2024

Agripino mantém indicação de crítico do PT para Codevasf: “Não há porque humilhar o rapaz”

6 de junho de 2023
Agripino mantém indicação de crítico do PT para Codevasf: “Não há porque humilhar o rapaz”

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

O presidente estadual do União Brasil, José Agripino, sustentou a indicação da sigla para que o ex-prefeito de Assú e ex-secretário Ivan Jr. assuma a superintendência da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) no Rio Grande do Norte.

Em entrevista à 91.9 FM nesta segunda-feira (5), Agripino afastou as críticas ao nome de Ivan Jr. por ele acumular uma série de críticas ao PT, inclusive dizendo que os governos Lula e Dilma foram um “desastre”

O nome do ex-prefeito para a Codevasf veio a público no começo de abril e até agora segue travado. Por outro lado, o presidente do PTB-RN, Getúlio Batista, indicação do MDB de Walter Alves e que já chamou Lula de corrupto e ladrão, foi nomeado para o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) no Estado em maio. Essa foi uma das justificativas utilizadas por Agripino para não recuar na indicação de Ivan.

“Estamos fazendo a indicação conforme nos foi solicitado. Ficar com ‘não pode fulano, não pode beltrano’. Por que isso? Qual é a razão se nós temos um quadro qualificado? Ivan Júnior foi secretário de recursos hídricos do Estado, um ex-prefeito, tem qualificação profissional, qualificação moral. Não há porque você humilhar o rapaz. De minha parte não há substituição”, cravou o ex-senador.

Na mesma entrevista, ele defendeu que um filiado ao União Brasil seria a melhor pessoa para a companhia, já que a autarquia é ligada ao Ministério da Integração Regional. O titular, ministro Waldez Góes, é filiado ao PDT mas aliado do senador e liderança nacional do União, Davi Alcolumbre. Outro motivo foi que a presidência nacional da Codevasf segue sob as mãos de Marcelo Andrade Moreira Pinto, indicado ainda pelo governo Bolsonaro.

“Qual é a vertente mais fácil para o Rio Grande do Norte receber benefício da Codevasf? O ministro é uma pessoa com diálogo, o presidente é uma pessoa do partido, é [a vertente] que o partido tenha uma pessoa afinada com os dois para trazer dinheiro para cá para obras e benefícios do Estado. Nada mais lógico do que isso”, afirmou.

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.