UFRN sedia Semana de Meio Ambiente Estudantil com visitas a Cajueiro de Pirangi e Complexo da Rampa
Natal, RN 20 de mai 2024

UFRN sedia Semana de Meio Ambiente Estudantil com visitas a Cajueiro de Pirangi e Complexo da Rampa

3 de julho de 2023
4min
UFRN sedia Semana de Meio Ambiente Estudantil com visitas a Cajueiro de Pirangi e Complexo da Rampa

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

O Diretório Central dos Estudantes (DCE) da UFRN realiza de 3 a 7 de julho a Semana de Meio Ambiente Estudantil. Com o tema “A UFRN como espaço de luta, de resistência e de conscientização ambiental e climática”, o evento tem ainda na agenda visitas ao Cajueiro de Pirangi, em Parnamirim, e ao Complexo Cultural Rampa, em Santos Reis, zona Leste de Natal.

A programação é composta por fóruns, rodas de conversa, visitas a parques e áreas de preservação e intervenções políticas e socioambientais. A Semana fará ainda um circuito pelos campi da universidade em Natal, Macaíba, Santa Cruz, Currais Novos e Caicó.

Na manhã desta segunda-feira (3), aconteceu a abertura no auditório da Biblioteca Central Zila Mamede, com a participação de nomes como o da deputada estadual Divaneide Basílio (PT) e do vereador Robério Paulino (PSOL). Para a tarde, está agendada a visita ao Cajueiro de Pirangi.

Já nesta terça (4), será realizado o fórum com o título “Os movimentos sociais e ambientais na luta pela justiça ambiental e na preservação da natureza”, também no auditório da Biblioteca da UFRN. Às 15, será a vez dos estudantes conhecerem o Complexo da Rampa, com uma roda de conversa sobre o Rio Potengi e os manguezais. 

Na quarta (5), às 9h30, será a vez da Escola Agrícola de Jundiaí (EAJ), em Macaíba, sediar o evento, que discutirá “A agroecologia e o desenvolvimento sustentável: o rumo da transição verde”, no auditório da direção. À tarde, a partir das 14h na Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi (Facisa), em Santa Cruz, o tema será “Semana do Meio Ambiente: é possível ser sustentável?”.

Para Wilen Ivinen, coordenador de meio ambiente do DCE e um dos organizadores do evento, a Semana será um momento histórico já que, segundo ele, será a primeira vez que um Diretório protagoniza o debate ambiental dentro de uma gestão de forma central. Ele ressalta o que considera complexidades da natureza, com um desequilíbrio causado pelo capitalismo, pelas indústrias e agropecuária. 

“Vemos uma devastação nos biomas brasileiros de forma gigantesca. Tudo isso vai interferir na dinâmica climática da terra”, diz.

“As pessoas que são mais prejudicadas são pessoas de baixa renda, são pessoas negras, são as mulheres, são as pessoas do campo, são as pessoas que estão já dentro de grupos minoritários que necessitam e precisam de um ambiente para sobreviver, e não têm estrutura física e financeira para se adaptar a esses processos que estão ocorrendo no meio ambiente”, reflete.

Para o ativista, algumas das atividades mais importantes serão os fóruns, que reunirão propostas que poderão ser desenvolvidas tanto pelo DCE, ou apresentadas aos órgãos públicos.

“Vai ter a participação dos movimentos sociais, ambientais, movimentos estudantis, onde em conjunto vamos construir propostas de ações que tanto o DCE pode realizar, que a gente pode entregar aos poderes públicos, e vão ocorrer em todos os campi”, afirma Ivinen.

A segunda parte da programação, voltada para os campi da UFRN em Currais Novos e Caicó, ainda está com os detalhes sendo finalizados e será publicada em breve no instagram @dceufrn. Outras informações também podem ser consultadas neste perfil. 

A programação é aberta ao público externo e interno da UFRN. Todas as atividades terão certificado, tendo como requisito a inscrição e participação. O link para se inscrever pode ser acessado clicando AQUI.

As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.