Ministros da Educação e do Desenvolvimento Regional visitam o RN na próxima semana
Natal, RN 21 de mai 2024

Ministros da Educação e do Desenvolvimento Regional visitam o RN na próxima semana

18 de agosto de 2023
5min
Ministros da Educação e do Desenvolvimento Regional visitam o RN na próxima semana

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

As agendas do ministro da Educação, Camilo Santana, e da Integração e Desenvolvimento Regional, Waldez Góes, começam pelo Rio Grande do Norte nessa próxima semana. O anúncio foi antecipado pela governadora do Estado, Fátima Bezerra (PT), em suas redes sociais.

Na segunda (21), a governadora Fátima Bezerra e o ministro Camilo Santana visitam as obras do Instituto Estadual de Educação, Ciência, Tecnologia e Inovação do Rio Grande do Norte (IERN) localizado em Natal. A unidade está entre as dez com obras mais adiantadas, com cerca de 50% do serviço concluído.

O ministro também vai aproveitar a viagem ao RN para lançar três programas na área da educação: o Programa Criança Alfabetizada, que numa parceria entre União, estados e municípios, tem a meta de garantir que 100% das crianças brasileiras estejam alfabetizadas ao final do 2° ano do Ensino Fundamental, além de recompor as aprendizagens, com foco na alfabetização, de 100% das crianças matriculadas no 3°, 4° e 5° ano, afetadas pela pandemia. 

Camilo Santana também vai lançar o Programa Escola em Tempo Integral, que vai incentivar a criação de matrículas em tempo integral em todas as etapas e modalidades da educação básica; além do Pacto Nacional pela Retomada de Obras da Educação Básica, que é uma espécie de “manual de instruções” para os estados que possuem obras paralisadas ou inacabadas e planejam retomar essas obras com o aporte financeiro e técnico do Governo Federal, através do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

Camilo Santana I Foto: Lula Marques/ Agência Brasil

Obras hídricas

Já na terça (22), a governadora do Estado recebe o ministro da Integração e Desenvolvimento Regional, Waldez Góes, para uma visita à Barragem de Oiticica, que já está com mais de 94% da obra concluída, a Passagem das Traíras e a locais que fazem parte do Projeto Seridó, que vai criar uma estrutura hídrica para garantir o abastecimento de 22 municípios da região.

No caso das obras relacionadas ao Complexo de Oiticica, a previsão é que tudo seja concluído até o final do ano.

Já sobre a recuperação da Barragem Passagem das Traíras, em Jardim do Seridó, as obras haviam sido assumidas pelo Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs) em 2020, durante a gestão do ex-presidente Jair Bolsonaro e do ex-ministro potiguar Rogério Marinho, retirando a execução do Governo do RN. No entanto, a obra ficou parada.

Waldez Góes I Foto: José Cruz/ Agência Brasil

Waldez Góes I Foto: José Cruz/ Agência BrasilEm maio deste ano, a governadora Fátima Bezerra anunciou o recebimento de mais R$ 6 milhões enviados pelo governo federal para a conclusão do serviço, que vai garantir o abastecimento a 50 mil pessoas da região. Com capacidade para armazenar até 50 milhões de metros cúbicos de água, a barragem Passagem das Traíras é uma das mais importantes do Rio Grande do Norte e segue em operação desde 1995, integrando o conjunto de barragens da Bacia do Rio Piranhas-Açu.

A terceira obra a ser visitada pelo ministro Waldez Góes na terça será o Projeto Seridó, composto por seis sistemas adutores para captação de água em reservatórios já existentes, para atender pequenas demandas e para retirada e transferência de água armazenada nas barragens de Oiticica e Armando Ribeiro Gonçalves, no caso de demandas mais significativas previstas até o ano de 2070.

O sistema de abastecimento formado por mais de 300 km de adutoras vai alcançar cerca de 165 mil pessoas nas cidades de Acari, Bodó, Caicó, Cerro Corá, Cruzeta, Currais Novos, Florânia, Jucurutu, Lagoa Nova e São Vicente, Carnaúba dos Dantas, Ipueira, Jardim de Piranhas, Jardim do Seridó, Ouro Branco, Parelhas, São Fernando, São João do Sabugi, São José do Seridó, Santana do Seridó, Serra Negra do Norte e Timbaúba dos Batistas.

Passagem das Traíras I Foto: Governo Federal
Passagem das Traíras I Foto: Governo Federal

As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.