Professores da rede municipal de Natal vão paralisar atividades e pressionam prefeito a retirar projeto que extingue carreiras
Natal, RN 14 de jul 2024

Professores da rede municipal de Natal vão paralisar atividades e pressionam prefeito a retirar projeto que extingue carreiras

2 de outubro de 2023
2min
Professores da rede municipal de Natal vão paralisar atividades e pressionam prefeito a retirar projeto que extingue carreiras

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Os professores da rede municipal de ensino de Natal vão paralisar as atividades entre os dias 04 e 10 de outubro para pressionar o prefeito de Natal, Álvaro Dias (Republicanos), a retirar o Projeto de Lei encaminhado por ele mesmo para a Câmara Municipal de Natal, onde será analisado e votado pelos vereadores.

O Projeto de Lei enviado pelo prefeito de Natal prevê a criação de uma nova carreira na Educação, com jornada de 30h semanais, mas, para isso, exclui as atuais carreiras já existentes. Atualmente, os professores da rede pública de ensino de Natal possuem jornadas de 20h e 30h semanais, conforme a lei nº 58/2004 e a lei nº 114/2010.

A paralisação que estamos realizando é para que o prefeito retire o projeto da Câmara e que possamos sentar e discutir melhorias na carreira do município”, explica Bruno Vital, coordenador geral do Sinte/RN.

Ainda não há uma data para a votação do projeto pelos vereadores, mas a proposta ainda pode ser retirada de pauta pelo seu autor, nesse caso, o prefeito de Natal.

O indicativo de paralisação foi votado pela categoria na manhã desta segunda (2), no auditório do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Rio Grande do Norte (Sinte/RN).

Os professores acusam o prefeito de Natal de ter elaborado o projeto às escondidas e sem que a categoria fosse consultada. A justificativa apresentada pela secretária de Educação, Cristina Diniz, foi a de que a mudança era necessária para a realização de concurso público.

Professores durante votação do indicativo de paralisação I Foto: reprodução
Professores durante votação do indicativo de paralisação nesta segunda (02) I Foto: reprodução

Saiba +

Projeto enviado pelo prefeito de Natal à Câmara prevê fim das atuais carreiras para criação de nova carga horária para professores

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.