UFRN é 15ª melhor universidade do Brasil, segundo ranking da Folha
Natal, RN 14 de jul 2024

UFRN é 15ª melhor universidade do Brasil, segundo ranking da Folha

13 de novembro de 2023
4min
UFRN é 15ª melhor universidade do Brasil, segundo ranking da Folha
Reitoria da UFRN I Foto: Cícero Oliveira

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Na avaliação das universidades públicas e privadas do Brasil realizada pelo jornal Folha de São Paulo, a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) aparece em 15º lugar entre as melhores. Ao todo, 203 universidades do país foram avaliadas.

O RUF (Ranking Universitário Folha) elabora um ranking a partir de cinco indicadores: pesquisa científica, internacionalização, inovação, qualidade do ensino e avaliação do mercado de trabalho.

As universidades mais bem avaliadas ficam no topo do ranking, que tem o máximo de 100 pontos. Essa é a 9ª edição do ranking que, em 2023, analisou mais de 18 mil cursos, nas 40 carreiras mais procuradas do país.

As três primeiras colocadas foram a Universidade de São Paulo (Usp), seguida pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

A Universidade Federal Rural do Semi-Árido também entrou no ranking, alcançando a 87ª posição, assim como a Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), que ficou na 152º colocação.

Imagem: reprodução Folha de São Paulo

A avaliação

A maior parque da pontuação vem da Pesquisa (42%), na qual são considerados nove componentes: o número de artigos científicos publicados pela universidade; relevância de trabalhos científicos a partir do total de citações recebidas; média de citações para cada artigo científico da universidade; média de artigos por professor; média de citações por professor; artigos científicos em revistas brasileiras; valor médio de recursos obtido por professor; percentual de professores considerados produtivos pelo CNPQ (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico) e número de teses defendidas por professor.

O Ensino é responsável por 32% da pontuação, num total de quatro componentes: a

opinião dos professores do ensino superior de diferentes locais do país coletadas pela pesquisa do Datafolha; percentual de professores com mestrado e doutorado; nota média da universidade no Enade (Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes) e número de professores com dedicação integral ou parcial.

No fator Mercado (18%) foi considerada a opinião de empregadores sobre preferências na contratação a partir de levantamentos que haviam sido realizados pelo Datafolha em 2018, 2019 e 2023.

Já no item Internacionalização foi considerada a média de citações internacionais pelos

trabalhos dos docentes e as publicações realizadas em parceria com outros países (coautoria).

Por fim, no componente Inovação é observado o número de patentes pedidas pela universidade e a quantidade de estudos da universidade em parceria com o setor produtivo.

Patentes

Atualmente, segundo a Agência de Inovação da UFRN, a instituição tem 62 patentes, além de outras oito classificadas como de utilidade pública, Como um módulo de lentes externas para câmeras de celulares do tipo smartphone utilizado na aquisição de imagens de lesões de pele. Também há 262 pedidos de patente de invenção em análise e mais quatro pedidos de patente de modelo de utilidade aguardando resposta.

Saiba +

UFRN e Ufersa estão em ranking global de universidades com mais citações e artigos

Das 30 melhores universidades da América Latina, 19 são do Brasil. UFRN é uma dessas e a única do Nordeste

UFRN está entre as cinco melhores do Norte e Nordeste; UERN é a sétima estadual mais bem avaliada em índice IGC

Ranking espanhol aponta UFRN como a 2ª melhor universidade do Nordeste, a 13ª do país e a 21ª da América Latina 

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.