Tendo Natal como uma das principais cidades, Desenrola é prorrogado
Natal, RN 5 de mar 2024

Tendo Natal como uma das principais cidades, Desenrola é prorrogado

12 de dezembro de 2023
2min
Tendo Natal como uma das principais cidades, Desenrola é prorrogado
Rua João Pessoa, na Cidade Alta I Foto: Mirella Lopes

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

O governo federal prorrogou por três meses o programa Desenrola Brasil para renegociação de dívidas. O prazo terminaria no fim deste ano e agora vai até 31 de março de 2024. 

A medida foi assinada pelo presidente Lula (PT) e está na edição do Diário Oficial da União desta terça-feira (12). 

O Ministério da Fazenda também publicou uma portaria com alteração nas regras de acesso ao sistema do Desenrola, feito na plataforma gov.br. Agora, contas de nível ouro ou prata podem fazer a renegociação para pagamento à vista ou parcelado. Já as contas de nível bronze têm a opção apenas de pagamento à vista.

Com a ampliação do tempo para renegociar as pendências, se abre mais uma janela de oportunidades para os potiguares. Na fase inicial do programa, Natal já ficou no top 30 de cidades com mais negociações formalizadas, considerando o período de 9 de outubro a 3 de dezembro, segundo dados do Ministério da Fazenda.

A cidade figura em 27º lugar entre todas as cidades brasileiras. Foram 5.986 negociações feitas envolvendo 11.565 contratos, sob valor de R$ 3.484.239. Ao todo, o valor dessas dívidas soma R$ 28.229.276. Natal é a única cidade do Rio Grande do Norte a aparecer no top 30.

Já em todo o Rio Grande do Norte, de R$ 80.381.463 em dívidas, R$ 10.195.739 foram negociados, o equivalente a 1,5% do total. Ao todo, 15.029 CPF’s fecharam acordo, sendo que R$ 1.952.137 foi negociado para pagamento à vista e R$ 8.243.602 foi parcelado.  

As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.