Governo Federal abre Edital para diagnóstico de política sobre drogas
Natal, RN 3 de mar 2024

Governo Federal abre Edital para diagnóstico de política sobre drogas

9 de janeiro de 2024
3min
Governo Federal abre Edital para diagnóstico de política sobre drogas
Foto: DINO

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Profissionais com experiência nas áreas de direitos humanos e políticas sobre drogas terão oportunidade de se inscrever em Edital do Governo Federal que está escolhendo, em dois editais, consultores que vão realizar pesquisa, diagnóstico e avaliação de políticas sobre drogas em 12 cidades potiguares. A remuneração para cada profissional chega a quase R$ 49 mil, divididos em cinco etapas ao longo de seis meses

Serão convocados três consultores para os municípios de Macau, Natal, Parelhas, Parnamirim, São Gonçalo do Amarante e Currais Novos. Mais três ficarão responsáveis por Mossoró, Areia Branca, Baraúna, Macaíba, Pau dos Ferros e João Câmara.

Os interessados em participar do certame devem encaminhar currículo lattes para [email protected], entre os dias 8 e 21 de janeiro de 2024. O currículo deverá ser, obrigatoriamente, em PDF e em língua portuguesa; arquivos corrompidos ou com defeitos que impeçam a sua visualização não serão considerados.

Cada consultor contratado, de acordo com o edital, assumirá dois municípios, cada grupo com município de maior complexidade e um de menor complexidade. A escolha do grupo de municípios será conforme a ordem de classificação no processo seletivo, podendo, no entanto, sofrer alterações de acordo com o interesse da administração pública.

Após os levantamentos, o consultor deverá articular, junto com a Prefeitura, a criação do Comitê Gestor e do Conselho Municipal de Políticas Públicas sobre Drogas (COMUD), bem como elaboração do Plano Municipal de Políticas Sobre Drogas, além de quaisquer outras ações que visem contribuir para o enfrentamento do problema das drogas no respectivo território.

Para a seleção, o profissional deve ter formação acadêmica em áreas relacionadas a ciências da saúde, ciências sociais e ciências humanas e experiência de atuação comprovada de, no mínimo, três anos em projetos ou políticas de promoção ou defesa de direitos humanos de populações em situação de vulnerabilidade social com necessidades decorrentes do uso de álcool e outras drogas.

Apoio financeiro e cronograma de reembolso

Os recursos são oriundos do projeto de Gestão Nacional das Políticas sobre Drogas e Desenvolvimento Humano. O apoio financeiro destinado a cada consultor será de R$ 48.996,00. Os valores serão repassados em conformidade com o seguinte cronograma de desembolso, sendo cada produto relativo aos dois municípios e os prazos de entrega contados a partir da assinatura do contrato.

Produto 1 = R$ 8.166,00 = 30 dias

Produto 2 = R$ 12.249,00 = 75 dias

Produto 3 = R$ 8.166,00 = 105 dias

Produto 4 = R$ 12.249,00 = 150 dias

Produto 5 = R$ 8.166,00 = 180 dias

Convocação

Serão convocados para a entrevista até 12 candidatos com maior pontuação nos critérios classificatórios. Caso haja empate, todos os candidatos nessa situação serão convocados para a entrevista.

A entrevista será realizada por videoconferência. O dia, horário e link da entrevista serão enviados para o endereço eletrônico do/a candidato/a selecionado/a na primeira etapa. Serão desclassificados os candidatos que não comparecerem à entrevista no horário e dia marcado.
Para mais informações e acesso aos editais, clique AQUI.

As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.