Saiba qual bloco leva folia e ativismo social a Capim Macio
Natal, RN 28 de fev 2024

Saiba qual bloco leva folia e ativismo social a Capim Macio

12 de fevereiro de 2024
4min
Saiba qual bloco leva folia e ativismo social a Capim Macio
Foto: Divulgação/Bloco Sassarico

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Parece inusitado aproveitar o período da festa mais popular do Brasil para levar alegria às ruas sem deixar que o carnaval distraia a população para os reais problemas da cidade. Mas, é esse o lema do Bloco Sassarico, que, desde 2018, desfila pelas ruas do bairro de Capim Macio, na zona Sul da capital potiguar, no domingo que antecede o carnaval, distribuindo animação entre os moradores sem deixar de lado o ativismo social.

Puxado por uma orquestra, composta por egressos da Escola de Música da UFRN, o bloco contagia moradores e foliões de outras partes da cidade. O Sassarico é um bloco comunitário e o bairro todo se prepara para o dia da folia, como diz a cordelista Fátima Régis, porta voz e intelectual da agremiação, o bloco é um espaço aberto à diversidade, é aberto a todos

Os integrantes do Sassarico explicam a origem e bases da agremiação carnavalesca, que está intrinsicamente vinculada ao lugar. Uma das características do bairro de Capim Macio é o ativismo social de grupos de moradores, em defesa de uma cidade melhor para as pessoas eem sintonia com pensamento urbanístico mais avançado na atualidade.

Fruto dessa ação coletiva, por exemplo, foi a construção, pela Prefeitura de Natal, do Parque Ecológico de Capim Macio. Foram anos de lutas e mobilizações até que o Parque viesse a ser inaugurado. Trata-se, portanto, de uma conquista coletiva. Primeiro, os moradores se aglutinaram em torno do grupo “Amigos de Capim Macio” que se transformou em “Associação de Moradores de Capim Macio”. O bloco carnavalesco “Sassarico no Capim” é uma decorrência natural desse espírito ativista de moradores do bairro.

Organizadores do bloco junto com a orquestra. Foto: Divulgação/Bloco Sassarico

Por isso, teve como berço o grupo “Amigos de Capim Macio”, em dezembro de 2017. E não perdeu tempo. Grupos da comunidade logo se mobilizaram e no carnaval de 2018 o bloco já estava na rua, com toda a sua diversidade, disseminando alegria em Capim Macio. Pessoas de todas as idades, entre crianças, jovens, adultos, idosos, deram asas a alegria pelas ruas do bairro. Folia animada pela orquestra de frevos “Clarim Tropical”, sob a batuta do maestro Túlio Medeiros deu o tom do que seria o carnaval de Capim Macio.

A orquestra é constituída em boa parte por egressos da Escola de Música da UFRN, o que torna evidente a qualidade do repertório executado durante os festejos de Momo. Clássicos do carnaval ou músicas dos carnavais da atualidade o que tem dado o tom do repertório é a qualidade das composições, como foi dito. Mestres do carnaval de Pernambuco, como Capiba, Nelson Ferreira, Edgar e Raul Moraes, hinos das grandes agremiações, como Vassourinhas, Batutas de São José, Pitombeira e Elefante (de Olinda). Marchinhas de carnaval como Jardineira, um clássico, sem falar nos grandes sambas carnavalescos.

A música de compositores baianos como Caetano, Gil e Morais Moreira. Compositores potiguares, a exemplo de Dosinho, sem falar nos compositores de Capim Macio, Hélder Girão, Beto Hugo e Otami Porpino. Em suas composições eles sempre se reportaram as lutas do bairro, como a construção do Parque Ecológico de Capim Macio, hoje uma realidade, uma conquista da ação coletiva.

O Sassarico nunca mais parou e saiu nos carnavais de 2019 e 2020, sempre no último domingo que antecede os dias de folia. Sob o som da referida orquestra e crescendo o número de brincantes, a cada ano. Infelizmente veio a pandemia e o bloco teve que interromper as suas atividades. Mas, neste ano, o bloco provou que está mais revigorado do que nunca e saiu na tarde do domingo (4), arrastando moradores do bairro e de outras localidades. Novamente as ruas de Capim Macio se encheram novamente do riso e da alegria, da poesia e da diversidade, ao som da orquestra “Clarim  Triunfal”.

Há 7 anos, um grupo de foliões do bairro de Capim Macio, em Natal, leva animação às ruas antes do carnaval e luta por uma cidade melhor e mais inclusiva. Saiba que bloco é esse.

As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.