Capacitação em vigilância amplia oportunidades para jovens no RN
Natal, RN 24 de mai 2024

Capacitação em vigilância amplia oportunidades para jovens no RN

3 de maio de 2024
3min
Capacitação em vigilância amplia oportunidades para jovens no RN

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Um novo horizonte se abre para jovens aprendizes no Rio Grande do Norte com o lançamento do curso de qualificação em vigilância e segurança, uma iniciativa pioneira desenvolvida pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac-RN). Em parceria com o Ministério Público do Trabalho no Rio Grande do Norte (MPT-RN) e o Ministério do Trabalho e Emprego, o curso visa não apenas capacitar jovens, mas também atender às demandas do mercado de trabalho, especialmente no setor de segurança privada.

Segundo Luis Fabiano Pereira, procurador do MPT-RN, a capacitação no ramo de vigilância surge como solução para um antigo impasse entre órgãos públicos e empresas do setor, que enfrentavam dificuldades para cumprir a cota legal de aprendizes devido à falta de cursos específicos.

"À medida que as empresas colaboram, contribuem e executam essa política, elas ganham também produtividade do trabalhador e melhoria do próprio serviço prestado pela empresa", destaca Pereira.

O curso, intitulado "Aprendizagem Profissional e qualificação em Serviços de Segurança", teve sua ementa apresentada em uma audiência coletiva na semana passada, articulada pelo MPT-RN em conjunto com a Superintendência Regional do Trabalho e Emprego no RN, o Tribunal Regional do Trabalho da 21ª região e o Senac-RN, às empresas de vigilância e segurança atuantes no estado.

A juíza Stella Autran, gestora do Programa de Combate ao Trabalho Infantil e de Estímulo à Aprendizagem do TRT-RN, ressalta o impacto positivo do cumprimento da cota legal pelas empresas:

"A empresa que assume a obrigação legal de contratar o aprendiz está cumprindo a lei, está exercendo a finalidade social da sua propriedade privada e está modificando a sociedade que circunda a vida desse aprendiz".

O conteúdo programático do curso inclui não apenas questões técnicas do segmento, mas também noções de bem-estar pessoal, desenvolvimento socioemocional, leitura e compreensão de textos, letramento matemático e educação financeira, entre outros. O objetivo é garantir uma formação qualificada para os jovens, capacitando-os para atuar na área fim de vigilância.

Para Sofia Gomes, auditora Fiscal do trabalho, o curso é um pontapé inicial.

A ideia é que a gente expanda as ofertas junto ao Senac para atender todas as empresas”.

De acordo com Leandro Trigueiro, diretor de educação profissional do Senac-RN, até o final de 2024, a instituição oferecerá um total de 75 vagas, divididas em 3 turmas. “O programa de aprendizagem vai além do propósito social de transformação, ela permite formar profissionais ainda mais qualificados”, diz Leandro.

A aprendizagem profissional é um dos instrumentos mais efetivos de combate ao trabalho infantil e de inserção protegida do jovem no mercado de trabalho. É uma política que contribui efetivamente para o desenvolvimento social e econômico”, finaliza Luis Fabiano.

A capacitação, pioneira no RN, tem como base modelo implementado pelo Senac da Bahia.

As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.