RN abre 2.736 novas vagas de emprego em maio, melhor resultado de 2024
Natal, RN 15 de jul 2024

RN abre 2.736 novas vagas de emprego em maio, melhor resultado de 2024

28 de junho de 2024
3min
RN abre 2.736 novas vagas de emprego em maio, melhor resultado de 2024
Foto: Reprodução/Fernando Madeira

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

No Rio Grande do Norte, durante o mês de maio de 2024, foram efetivadas 19.624 contratações e 16.888 desligamentos, o que resultou num saldo positivo de 2.736 novos empregos. Quando comparado ao mesmo período do ano passado, quando foi registrada a abertura de 1.705 novos postos de trabalho, o crescimento do número de vagas de trabalho chega a ser de 60%.

Os dados, divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), também revelam que, até o momento, o mês de maio foi o que apresentou melhor resultado desde o início de 2024 em termos de novas vagas de emprego. Foram registradas 1.197 novas vagas em janeiro, apenas 264 em fevereiro, 1.524 em março e 2.695 em abril.

Imagem: reprodução Caged

Em Natal, a maioria das contratações foram de pessoas jovens, com idade entre 18 e 24 anos, e apenas com o ensino médio completo. As pessoas com ensino superior completo aparecem na sequência, com segundo maior número de contratações, junto com a faixa etária entre 40 e 49 anos.

No Nordeste, o perfil das contratações é semelhante, com a maioria dos empregados com ensino médio completo e idade entre 18 e 24 anos.

Média salarial

De maneira geral, o salário pago ao trabalhador recém admitido no Rio Grande do Norte tem sido de R$ 1.694,39, valor abaixo da média do Nordeste, que é de R$ 1.812,44. O valor mais alto é pago no Piauí (R$ 1.948,52), já o salário mais baixo é o de Sergipe (R$ 1.722,43).

Quem contrata mais

Dentre os cinco setores analisados pelo Caged, que é atualizado pelo Ministério do Trabalho e Emprego, o de serviços foi o que mais contratou no Rio Grande do Norte em maio, sendo responsável pela abertura de 1.422 vagas em maio. Na sequência, vem a construção civil (680 vagas) e a indústria (558 vagas). Por último no ranking de contratações, ficaram o comércio (39 vagas) e a agropecuária (37 vagas).

Fonte: Caged

Brasil

No Brasil, os estados com maior saldo positivo na geração de vagas de emprego foram São Paulo (+42.325 postos); Minas Gerais (+19.430 postos); e Rio de Janeiro (+15.627 postos). Já os estados com menor saldo foram Rio Grande do Sul (-22.180 postos); Amapá (+316 postos); e Tocantins (+527 postos).

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.