DEMOCRACIA

Em Mossoró, Rogério Marinho e General Girão gravam vídeo em apoio a jogador homofóbico

O ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, e o deputado do PSL, General Girão, gravaram vídeo em apoio ao jogador de vôlei Maurício Souza. O vídeo foi publicado em redes sociais e foi filmado durante evento realizado em Mossoró com o nome “Fórum Conservador Potiguar”, no último dia 30.

A gravação do vídeo foi proposta pela deputada do PSL/SP, Carla Zambelli, que fez palestra do evento. “Alô, Mauricio Souza! O Ministro
Rogério Marinho, o deputado General Girão e o povo de Mossoró/RN têm um recado para você”, conduziu a deputada com os dois políticos potiguares ao lado.

O vídeo foi postado nas redes sociais do General Girão e Carla Zambelli, mas o ministro Rogério Marinho não compartilhou o conteúdo, mesmo estando em destaque na imagem e sendo citado nas postagens dos deputados.

O vídeo de apoio ocorreu porque o jogador foi demitido do Minas Tênis Clube na quarta-feira (27/10), depois de ter feito postagens consideradas homofóbicas em suas redes sociais. No dia 12 de outubro, Maurício se criticou o fato de o personagem Super-Homem surgir bissexual na nova edição da revista da DC Comics. “A é só um desenho, não é nada demais. Vai nessa que vai ver onde vamos parar”, escreveu ele como legenda à imagem que anunciada que superman atual assume bissexualidade.

O General Girão publicou o vídeo com a seguinte mensagem: “Um recado importante para o nosso atleta Maurício Souza, que foi covardemente perseguido e penalizado pela patrulha do politicamente correto e silenciadores da liberdade de opinião. Maurício, NÓS ESTAMOS COM VOCÊ!

Jogador agradeceu apoio dos político potiguares
O jogador usou as redes sociais para agradecer apoio recebido de políticos e usou o vídeo gravado em Mossoró como exemplo. “Que honra. Muito obrigada a todos, obrigado Carla Zambelli. Obrigado meu Brasil. Vamos junto com Deus na frente”, escreveu Maurício Souza na publicação.

Demonstrações de apoio a Maurício também têm acontecido nas redes sociais. Sábado passado, o central fez nova publicação agradecendo por ter alcançado 2 milhões de seguidores – no início da semana, o jogador tinha menos de 300 mil. O número continua crescendo e na tarde desta terça-feira (2), o perfil dele no Instagram conta com 2,6 milhões de seguidores. “A força de uma sociedade saturada pela injustiça e coerção. Somos dois milhões. Obrigado meu povo pelo apoio e carinho comigo e com minha família. Seguimos firmes com Deus na frente”, escreveu Maurício na publicação.

No domingo (31), o atleta recebeu mensagem de apoio de Eduardo Bolsonaro. Na imagem, Maurício aparece ao lado da esposa e dos filhos. “Esquerdalha pira. Bela família”, disse o filho do presidente. O comentário, no entanto, foi apaga minutos após a postagem.

Após apoio, Maurício disse que pode ser candidato
COm a demissão e a repercussão do caso, Maurício Souza afirmou que pode se candidatar nas eleições de 2022. A declaração foi feita durante o programa “Pânico”, da Jovem Pan. “Isso é uma coisa que não estava previsto, nunca me imaginei na política, mas estão me pedindo muito. Muitos partidos conservadores estão me dizendo que seria importante”, afirmou o atleta, apoiador do presidente Jair Bolsonaro.

Veja vídeo General Girão:

 

 

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo