CIDADANIA

Governo do RN recusa receber jogos da Copa América

Natal estava sendo cotada como uma das cidades-sede da Copa América, mas a governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT), já declarou ser contra a vinda dos jogos diante do quadro epidemiológico de covid-19.

“O Rio Grande do Norte não recebeu nenhum comunicado oficial a respeito da realização da Copa América em território potiguar. Mas, apesar de sermos um dos Estados com estrutura física disponível, não temos hoje níveis de segurança epidemiológica para realização do evento”, publicou no Twitter na tarde desta segunda-feira (31).

“Ao contrário, estamos numa luta diuturna para amenizar os efeitos da pandemia, que está em um momento crescente por aqui. O Governo é, portanto, contrário à realização do evento no nosso estado”, completou a governadora.

O Brasil foi anunciado pela Conmebol nesta segunda como o novo país-sede do torneio, que será realizado de 13 de junho a 10 de julho.

Após reunião emergencial nesta segunda-feira, a Conmebol decidiu por transferir para cá a realização do torneio, que seria inicialmente na Colômbia e na Argentina.

Na Colômbia, o país atravessa uma onda de protestos desde abril em razão de aumento de impostos e contabiliza vários mortos. Já os argentinos alegaram a piora nos índices da pandemia para desistir de receber o torneio.

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo
Isabela Santos é jornalista e repórter da agência Saiba Mais