FIERN/Certus: Empresários preferem Lula e rejeitam Flávio Rocha no RN
Natal, RN 24 de fev 2024

FIERN/Certus: Empresários preferem Lula e rejeitam Flávio Rocha no RN

6 de maio de 2018
FIERN/Certus: Empresários preferem Lula e rejeitam Flávio Rocha no RN

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

A pesquisa FIERN/Certus traz dados interessantes que vão além dos números tradicionais da disputa eleitoral. Uma das perguntas no questionário é o voto para a presidência da República com base na atividade de ocupação do eleitor.

A pesquisa dividiu os entrevistados em funcionário público, trabalhador da área privada com carteira assinada, empresário, trabalhador do setor informal, atividade do lar, aposentado, desempregado e profissional liberal.

Com 40,07% das intenções de voto no total, o ex-presidente Lula é o preferido em todos os segmentos. Um dos dados que mais chama a atenção, no entanto, é a preferência do setor empresarial.

Levando em conta só o voto dos empresários do Rio Grande do Norte, o ex-presidente Lula é o preferido com 25,64% dos votos. Já o dono das lojas Riachuelo Flávio Rocha, pré-candidato pelo PRB, foi citado por apenas 2,56% dos eleitores.

Com raízes no Estado, Rocha tem, entre os empresários potiguares, o mesmo percentual de intenção de voto que o líder do movimento dos trabalhadores Sem-Teto Guilherme Boulos (PSOL).

Outro número que chama a atenção é que o setor empresarial não é onde Rocha teria mais apoio. O percentual de votos junto a funcionários públicos, categoria que ele costuma chamar de parasitas, é um pouco maior: 3,51%.

Depois de Lula, os empresários potiguares gostariam de ver Jair Bolsonaro (PSC) na presidência. O deputado federal obteve 17,95% das intenções de voto junto ao setor.

Atrás de Lula e Bolsonaro, os empresários apontaram a ex-ministra Marina Silva (Rede), com 5,13% das intenções de voto. Empatados, com 2,56%, aparecem Guilherme Boulos (PSOL), Flávio Rocha (PRB), Joaquim Barbosa (PSB), Ciro Gomes (PDT) e Fernando Collor (PTC).

O ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB) não chegou a pontuar entre os empresários.

Leia a pesquisa completa Certus/FIERN aqui.

As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.