PT quase dobra número de votos no 1º turno de 2022 em comparação a 2018
Natal, RN 24 de jun 2024

PT quase dobra número de votos no 1º turno de 2022 em comparação a 2018

4 de outubro de 2022
3min
PT quase dobra número de votos no 1º turno de 2022 em comparação a 2018

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Lula teve 57,2 milhões de votos no primeiro turno das eleições de 2022. São 25,9 milhões de votos a mais do Fernando Haddad conseguiu no 1º turno de 2018. A diferença representa um acréscimo de 82,7% de votos este ano.

O atual presidente e candidato à reeleição, Jair Bolsonaro (PL), teve um aumento bem menor no número de votos fazendo o mesmo comparativo com o pleito passado, foram 3,6% (1,8 milhão) de votos a mais do que em 2018.

Este ano, o eleitorado de Lula cresceu em quase todos os estados e no Distrito federal, a exceção foi o Mato Grosso do Sul, cuja votação passou de 55% para 39%. Lembrando que, em 2018, o PT teve Fernando Haddad como candidato. Já Bolsonaro perdeu eleitores em 13 estados e ampliou ampliou a votação em 14 em relação ao resultado do 1º turno de 2018.

No Sudeste, Lula só teve maioria em Minas Gerais este ano, enquanto em 2018, o partido perdeu em todos os estados da região. Outro dado que chama atenção, é o fato de Ciro Gomes (PDT) ter chegado a 40,95% dos votos em 2018 no Ceará, enquanto em 2022, não ter passado dos 6,80%.

Resultado geral para presidente:

2018

Bolsonaro: 46,03% dos votos válidos

Haddad: 29,28% dos votos válidos

2022

Lula: 48,43% dos votos válidos

Bolsonaro: 43,2% dos votos válidos

Confira a votação por estado:

ESTADOLULA 2022 HADDAD 2018BOLSONARO

2022

BOLSONARO 2018
Acre

 

29,26%18,53%62,50%62,24%
Alagoas

 

56,50%44,75%36,05%34,40%
Amapá

 

45,67%32,74%43,41%40,74%
Amazonas

 

49,58%40,30%42,80%43,48%
Bahia

 

69,73%60,28%24,31%23,41%
Ceará

 

65,91%33,12%25,38%21,74%
Distrito Federal36,85%11,87%51,65%

 

58,37%
Espírito Santo40,40%24,20%52,23%

 

54,76%
Goiás39,51%21,86%52,16%

 

57,24%
Maranhão 68,84%61,26%26,02%

 

24,28%
Mato Grosso34,39%60,04%59,84%

 

24,76%
Mato Grosso do Sul39,04%55,06%52,70%

 

23,87%
Minas Gerais48,29%27,65%43,60%

 

48,31%
Paraná35,99%19,70%55,26%

 

56,89%
Paraíba64,21%45,46%29,62%

 

31,30%
Pará52,22%41,39%40,27%

 

36,19%
Pernambuco65,27%48,87%29,91%

 

30,57%
Piauí74,25%63,40%19,90%

 

18,76%
Rio de Janeiro40,68%14,69%51,09%

 

59,79%
Rio Grande do Norte62,98%41,19%31,02%

 

30,21%
Rio Grande do Sul42,28%22,81%48,89%

 

52,63%
Rondônia28,98%20,36%64,36%

 

62,24%
Roraima23,05%17,85%69,57%

 

62,97%
Santa Catarina29,54%15,13%62,21%

 

65,82%
Sergipe63,82%50,09%29,16%

 

27,21%
São Paulo40,89%16,42%47,71%

 

53%
Tocantins50,40%41,12%44%

 

44,64%

As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.