Potiguar soube que entregaria faixa presidencial a Lula minutos antes da cerimônia
Natal, RN 2 de mar 2024

Potiguar soube que entregaria faixa presidencial a Lula minutos antes da cerimônia

4 de janeiro de 2023
4min
Potiguar soube que entregaria faixa presidencial a Lula minutos antes da cerimônia

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

O potiguar Ivan Baron, influenciador digital que trata da inclusão de pessoas com deficiência, só tomou conhecimento que subiria a rampa do Palácio do Planalto para entrega da faixa presidencial a Luiz Inácio Lula da Silva (PT) 40 minutos antes da cerimônia. Antes disso, sabia apenas que faria uma participação no Festival de Futuro, como foi chamado o evento com mais de 60 artistas no domingo (1º), em Brasília.

“Eu só sabia que faria uma participação especial na posse, mas sem muitos detalhes. O primeiro convite veio por meio de uma ligação da primeira-dama Janja, uma semana antes da cerimônia”, explicou o jovem de 24 anos, que conduziu simbolicamente Lula à Presidência, ao lado de outros sete representantes do povo brasileiro: Aline Sousa, 33 anos, mulher preta, catadora, que teve a honra de vestir a faixa no presidente; Francisco Filho, 10 anos; Cacique Raoni, 90 anos; Weslley Rocha, 36 anos, metalúrgico; Murilo Jesus, 28 anos, professor; Jucimara Santos, cozinheira e Flávio Pereira, 50 anos, artesão. O momento contou ainda com a primeira-dama e a cadelinha Resistência, adotada pelo casal durante a prisão de Lula em Curitiba.

Cerimônia de posse do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva no Palácio do Planalto
Foto: Tânia Rego/ Agência Brasil

De acordo com Ivan, que ficou na capital federal de 28 de dezembro a 2 de janeiro, o grupo só se conheceu lá. “Ali compartilhamos nossas histórias e vimos que ninguém havia sido escolhido por acaso, todos tinham um papel importante e de representatividade na cerimônia. Foi tudo muito emocionante”, contou.

O influencer comemorou o pico de buscas na internet por “anticapacitismo” após sua aparição em rede nacional vestindo uma roupa com a palavra. Com designer da Tela Ambulante (DF), assinado pelos artistas Juliana Gomes da Silva e Victor Hugo Souliver, o terno branco foi denominado “Retomada”.

Foto: Audrey Luiza

“A passarela mais importante do Brasil em que nossa obra de arte desfilou. Nessa posse tivemos o prazer de vestir Ivan Baron, influencer do anticapacitismo que transforma não apenas vidas mas o mundo. Ivan foi nossa maior inspiração para criação dessa obra! Estamos super felizes com esse acontecimento histórico”, registrou o coletivo.

Ivan, que na infância teve paralisia cerebral em decorrência de meningite viral, enxerga sua participação como um ato para dar uma visibilidade que não era dada à população com deficiência.

"Sinto que pude representar as mais de 45 milhões de pessoas com deficiência no Brasil e que isso é um passo inicial para uma maior abertura na discussão de pautas sobre inclusão e acessibilidade no país”.

Foto: Bruno Barreto

Com mais de 622 mil seguidores no Tik Tok e 448 mil seguidores no Instagram, Ivan é formado em Pedagogia e nas redes é didático ao tentar desconstruir preconceitos, usando sua experiência pessoal.

Em setembro de 2022, participou da Super Live com artistas e políticos na campanha de Lula. Na ocasião, emocionou o então candidato ao falar sobre a importância do SUS em seu processo de reabilitação. Acreditando na defesa e valorização da Saúde e das pautas sociais por parte do governo Lula, Ivan militou e deposita sua esperança.

“Eu espero que o governo se comprometa e cumpra tudo que está propondo para a pauta PCD. Que a pauta Anticapacitista seja institucionalizada, no sentido de haver mais firmeza na fiscalização de crimes de capacitismo”, destacou o "potiguar politizado".

SAIBA MAIS: Conheça Ivan Baron, o potiguar que se tornou referência ao usar humor para corrigir falas capacitistas

As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.