Após 9 anos, Banda Luísa e os Alquimistas anuncia separação e turnê de despedida
Natal, RN 13 de jun 2024

Após 9 anos, Banda Luísa e os Alquimistas anuncia separação e turnê de despedida

4 de junho de 2024
3min
Após 9 anos, Banda Luísa e os Alquimistas anuncia separação e turnê de despedida
Foto: Rafael Avancini / Divulgação

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

“São nove anos de dedicação e amor por essa alquimia e nessa jornada o tempo tem sido implacável e generoso em suas transformações”. É com essas palavras que a banda potiguar Luísa e os Alquimistas anuncia o fim do grupo. Fundada em 2015 e desde então ganhando força e espaço no cenário potiguar e nacional, a banda de “bregapunk” chega ao fim em 2024, mas não antes de realizar uma turnê de despedida.

"Nossa Alquimia está em processo de transmutação. E antes de falar do que vem pela frente, precisamos comunicar o encerramento desse ciclo maravilhoso de 9 anos que transformou nossas vidas!", escreveu a banda em um post no Instagram, anunciando a turnê de encerramento que vai rodar o Brasil e a Europa. "Com muita emoção e sensação de dever cumprido gostaríamos de agradecer a todes que estiveram juntes fortalecendo a caminhada", finaliza a publicação.

Banda levou cultura potiguar por todo o Brasil

Com quase uma década de história, o grupo fundado por Luísa Nascim, que também é vocalista da banda, é composto por Zé Caxangá, Gabriel Souto, Pedras, Tupy, Tal Pessoa e Pedro Regada. Ao longo da trajetória, a banda foi a responsavel por vários hits como: “Caderninho”, “Brechó”, “Garota Ligeira”, “Olhos de Tocha” e “Pedaçinho do Céu”, que conquistaram o público por onde tocaram. Ouça a banda aqui.

Foto: Rudá Melo

Com 4 álbuns de estúdios, sendo “Cobra Coral”, “Vekanadra”, “Jaguatirica Print” e “Elixir”, seu último lançamento de estúdio, a banda mescla ritmos como o reggaeton, forró, brega, tecnobrega e até mesmo o punk. Na realidade, Luísa e os Alquimistas foge de todo e qualquer estereótipo da música nordestina, trazendo originalidade e uma marca única no cenário musical.

A originalidade é tanta que o grupo já rodou o brasil tocando nos maiores festivais, têm milhões de plays em plataformas de músicas e “os melhores fãs do mundo”, como disse Luísa. Agora, a vocalista e os alquimistas vão seguir novos rumos e novos planos, se reinventando e continuando fazendo música. 

“Temos um projeto que muito me orgulha, principalmente por ter marcado a música brasileira com força e originalidade. Celebremos a transmutação”, encerra a vocalista no vídeo de despedida.

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.