Acordo prevê retorno de 10 das 20 linhas de ônibus retiradas durante a pandemia em Natal
Natal, RN 22 de abr 2024

Acordo prevê retorno de 10 das 20 linhas de ônibus retiradas durante a pandemia em Natal

26 de julho de 2023
2min
Acordo prevê retorno de 10 das 20 linhas de ônibus retiradas durante a pandemia em Natal

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Seis linhas de ônibus diurnas e quatro noturnas, dentre as 20 que haviam sido retiradas de circulação durante a pandemia de Covid-19, serão retomadas em Natal (RN), segundo o acordo assinado pelo Núcleo de Tutela Coletiva da Defensoria Pública do Estado do Rio Grande do Norte (DPE/RN), Secretaria de Mobilidade Urbana de Natal (Sttu), Sindicato das Empresas de Transporte Urbano (Seturn) e Procuradoria do Município de Natal.

Deverão ser retomadas as linhas: N-61 – Soledade/Ribeira, via Av. das Fronteiras; 581 – Vila Verde/Santa Catarina, via Av. Pompéia; 587 – Encanto Verde/Village do Prata, via Planalto; 585 – Guarapes/Village do Prata, via Planalto; 589 – Felipe Camarão/Nova Cidade, via Rodoviária/Jardim América; e 593 – Circular Residencial Redinha.

Com o retorno da linha N-61, que vai atender ao bairro de Soledade, a linha N-64 deve ter o itinerário restaurado ao anterior à pandemia. Além disso, também devem ser retomados quatro linhas noturnas:  O-33 – Planalto/Praia do Meio; N-73 – Santarém/Ponta Negra; Linha A – Petrópolis/Zona Norte; e Linha E – Felipe Camarão/Ponta Negra, via Av. Nevaldo Rocha.

Sem aumento

Segundo o Núcleo de Tutela Coletiva da Defensoria Pública do Estado, que conduziu a negociação, a retomada das linhas de ônibus não pode vir acompanhada de reajuste na tarifa do transporte público.

As empresas também se comprometeram em renovar a frota com 50 veículos novos e outros 50 seminovos; o tempo de integração do sistema também foi ampliado e passará a ser de 90 minutos para os usuários que realizarem o cadastro através de biometria facial, sistema que deverá ser implantado em até 180 dias.

O acordo prevê, ainda, que o cadastro da biometria dos usuários será feita a partir de uma frente de trabalho que será estruturada pelo NatalCard e que deve ter ampla divulgação para a sociedade.

As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.