Zenaide Maia e Jaime Calado assumem PSD/RN e partido será base de Fátima no Estado
Natal, RN 22 de abr 2024

Zenaide Maia e Jaime Calado assumem PSD/RN e partido será base de Fátima no Estado

20 de dezembro de 2022
3min
Zenaide Maia e Jaime Calado assumem PSD/RN e partido será base de Fátima no Estado

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

A senadora Zenaide Maia e o ex-secretário de desenvolvimento econômico do Rio Grande do Norte, Jaime Calado, anunciaram a entrada no PSD nesta terça-feira (20). Maia deixa o PROS — que não atingiu a cláusula de barreira nestas eleições —, enquanto Calado sai do Republicanos.

O anúncio foi feito pela senadora nas redes sociais. 

“É chegado o momento de renovação na nossa trajetória política. Encerramos um ciclo de muitas conquistas no Partido Republicano da Ordem Social - PROS, mas, agora, seguimos junto ao Partido Social Democrático - PSD, na certeza de continuarmos na defesa dos interesses do povo potiguar e brasileiro, fazendo da política um instrumento para a transformação social e promoção do bem comum”, afirmou.

A mudança também foi confirmada por Calado, em conversa com a reportagem. 

“O PSD já tinha nos convidado antes, a gente fez uma análise e achou que era o melhor para o nosso grupo e para a luta democrática”, disse. A articulação foi feita junto ao ex-ministro e presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, e ao senador mato-grossense Carlos Fávaro. 

O comando do PSD no RN estava com os ex-deputados Antônio e Jacó Jácome. Agora, a presidência ficará com Jaime, e Zenaide assumirá outra cadeira na Executiva. Nacionalmente, o partido do Centrão deve ser base de apoio a Lula. Já no RN, o PSD fez coligação com a chapa oposicionista encabeçada por Fábio Dantas (SD) para governador. Com a mudança no comando partidário, o partido entrará também na base de apoio da governadora Fátima Bezerra (PT). 

“O PSD é da base de Lula e nós também. Então vamos seguir a mesma luta”, afirmou Calado.

PSD tem três famílias diferentes em um an

De março a dezembro de 2022, o PSD mudou de comando local três vezes, com três famílias diferentes revezando o poder. A primeira mudança se deu com a saída de Robinson Faria e Fábio Faria — pai e filho, respectivamente — rumo ao PL de Jair Bolsonaro. Ambos estavam na sigla desde 2011.

Em seguida, o deputado estadual Jacó Jácome assumiu a presidência da Comissão Provisória do PSD no Rio Grande do Norte, função que era ocupada justamente por Robinson. Quem o acompanhou foi seu pai, Antônio Jácome, que disputou uma cadeira de deputado estadual neste ano, enquanto Jacó tentou uma vaga como deputado federal. Ambos foram derrotados.

Agora, próximo ao final do ano, o PSD encarará a terceira família em seu comando em menos de um ano, com a chegada do casal Zenaide e Jaime.

As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.