Sem ajuda, moradora da zona Norte de Natal cuida de 37 cachorros
Natal, RN 17 de jul 2024

Sem ajuda, moradora da zona Norte de Natal cuida de 37 cachorros

16 de setembro de 2023
4min

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar
“Eu cuido deles sozinha. Só Deus e eu.”, desabafou Suely | foto: acervo pessoal

Cuidar de um pet não é uma tarefa fácil. Agora imagine cuidar de 37 animais sozinha e sem receber nenhum tipo de ajuda financeira? Essa é a história de Suely Cristina Lopes dos Santos, moradora do Alto da Torre, na Redinha, zona norte de Natal. A cuidadora conta que sempre gostou de animais, mas só depois que ficou viúva decidiu dedicar 100% do seu tempo de vida para isso. 

Um amor de infância 

Suely gosta de animais desde que se entende por gente. Quando a protetora tinha 6 anos, criava um cachorro que dormia na mesma cama que ela. “Meu pai reclamava porque eu dormia com ele”, lembra. Certa vez, o filhote machucou um coelho, sem querer, e isso gerou uma profunda raiva em seu pai que tentou agredir o cachorro. E foi assim que Suely defendeu o primeiro animal da sua vida. 

“Papai, foi bater no cachorrinho e eu entrei na frente e não deixei. E eu disse: ‘Eu prefiro apanhar no lugar do cachorro’ e por aí eu me apeguei aos animais e disse que na minha frente ninguém espanca mais um cachorro”, lembrou com emoção. 

A partir desse episódio, a protetora descobriu sua paixão por animais. Depois disso, Suely revela que o primeiro cachorro que resgatou da rua foi em frente a rodoviária de Natal. Enquanto ia para o trabalho, a potiguar avistou um carro prestes a atropelar um cachorro e prontamente correu para ajudar o bicho. Ela, literalmente, parou o trânsito para salvar a vida do cachorrinho.

“Eu perguntei de quem era aquele animal e o rapaz que vendia pipoca respondeu que era de rua e que já tinha sido atropelado antes daquele dia. Aí, eu levei ele pra casa e faltei o trabalho pra ficar cuidando dele o dia todo”, lembrou.

“Eu comecei a ser protetora há 10 anos. Comecei através do meu esposo e depois que ele morreu eu dei continuidade. Eu via um cachorro e colocava dentro da minha casa. Depois passou pra 2 e 3. Hoje tenho 37 e dedico totalmente minha vida a eles”, desabafa. 

As dificuldades de cuidar de muitos animais sozinha 

Suely é beneficiária do Bolsa Família, de onde vem sua única fonte de renda, e por isso, tem bastante dificuldades para resgatar e manter financeiramente os cachorros que resgata. “Eu não tenho ajuda. Quando preciso levar eles para o veterinário, eu tiro do meu próprio bolso.”, comenta.

Atualmente, a cuidadora dedica sua vida aos cães que salva. Em sua casa, a protetora construiu dois quartos e um canil para abrigar os bichos. Antes disso, ela vendeu uma casa que tinha e comprou uma outra com quintal maior, pensando em dar mais espaço para os cães. “O espaço é pequeno, mas cada um tem sua casinha”, diz. 

Mesmo com as dificuldades, a tutora se sente feliz fazendo o que faz. “Eu dou o pouco do que tenho para eles. Eu acho muito lindo esse trabalho de protetora. Esses cachorros dependem muito da gente”, completa. 

Além disso, a cuidadora revela que lavava os lençóis sujos dos cachorros na mão. Felizmente, ela ganhou um tanquinho de lavar roupa e essa tarefa ficou mais fácil para ela. Cuidar de tantos cachorros não é simples, mas o amor que Suely tem pelos caninos supera todas as dificuldades que existem. 

“Só dorme de rede”, brinca a protetora com seu cachorro. | foto: acervo pessoal

“Eu tenho minha casa, mas quem manda são eles. Eu sou sozinha. Acordo às 4:30 da manhã, peço forças a Deus pra cuidar deles e é assim o dia todinho. E mesmo assim, ainda consigo dar meu cochilo depois do almoço”, finaliza. 

Para ajudar Suely, basta doar qualquer quantia para o pix: (84) 992123037 ou acompanhar suas redes sociais: @suelycristina33gma8 



As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.