CIDADANIA

Fies reabre inscrições para vagas remanescentes e estudantes reclamam de erros

Muita gente acordou cedo e se frustrou ao tentar uma das 50 mil vagas remanescentes do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) para o 2º semestre de 2020. As inscrições começaram às 7h desta segunda-feira (26) exclusivamente pelo site http://fies.mec.gov.br/.

A princípio, o processo seletivo para essas vagas ocorreria de 6 de outubro a 13 de novembro, mas no segundo dia foi suspenso por causa de instabilidades no site do programa. O Ministério da Educação garantiu que aqueles que conseguiram concluir suas inscrições nos dias 6 e 7 de outubro não serão prejudicados.

Nos dois primeiros dias de inscrição, de 7h do dia 26 até as 23h59 do dia 27 de outubro, a oferta é exclusiva para os cursos de áreas do conhecimento que o Governo Federal considera “prioritárias”: cursos de saúde, engenharias, licenciaturas e ciência da computação.

O prazo de inscrição para os candidatos não matriculados em instituição de educação superior será encerrado às 23h59 do dia 3 de novembro. Para aqueles que buscam uma oportunidade para financiar a continuidade dos estudos e já estão matriculados em curso, turno e instituição para o qual deseja se inscrever, o prazo de inscrição é maior. Eles terão até as 23h59 do dia 27 de novembro para se inscrever.

Apesar disso, muitos estudantes foram às redes sociais mostrar que as vagas já estavam esgotadas nos primeiros minutos após a abertura da seleção.

“Esse site do Fies é ridículo, RIDÍCULO. Qual a justificativa pra pessoas conseguirem fazer inscrição e outros não conseguirem ENTRAR NA PÁGINA????? Não é internet, não tempo tentando. Sinceramente, o estudante é feito de palhaço.”, escreveu uma internauta.

De acordo com o Ministério da Educação, a estrutura tecnológica do sistema do Fies foi aperfeiçoada recentemente para ampliar a capacidade de atendimento de acessos simultâneos.

“Bom dia, @MEC_Comunicacao! Olha, eu esperava mais de vocês no dia de hoje, viu. Até pq, foram mais de 15 dias pra ajeitar esse sistema do Fies, mas pelo visto, não deu em nada. Que falta de respeito!”, escreveu o estudante Walter Júnior.

Outra inovação divulgada foi a utilização de mecanismo que visa impedir os acessos no sistema realizados com o uso de robôs. O teste automatizado para diferenciação entre computadores e humanos, conhecido por captcha, será apresentado na página do Fies para que o candidato confirme seu acesso no sistema.

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo
Isabela Santos é jornalista e repórter da agência Saiba Mais