PCdoB em Mossoró articula frente ampla para 2024 e não descarta Rosados
Natal, RN 20 de mai 2024

PCdoB em Mossoró articula frente ampla para 2024 e não descarta Rosados

3 de maio de 2023
4min
PCdoB em Mossoró articula frente ampla para 2024 e não descarta Rosados

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

O Partido Comunista do Brasil (PCdoB) em Mossoró fará uma cerimônia para comemorar 101 anos nesta quinta-feira (4), abrindo publicamente as discussões sobre a frente ampla para as eleições de 2024 na cidade. A sigla quer aglutinar os setores que fazem oposição ao prefeito Allyson Bezerra e conversa inclusive com Rosados de olho no ano que vem.

“Nós vimos a necessidade de formação de uma frente porque percebemos uma falta de organicidade dos setores da oposição em torno de um projeto para 2024. Essa necessidade é mais do que urgente e necessária porque nós percebemos uma insatisfação do povo de Mossoró. A gente tá vendo nas mídias a situação de denúncias e como se encontra a situação da cidade, o abandono nos bairros, na periferia, falta de políticas de geração de empregos. Nós não conhecemos um projeto do prefeito para isso, o que seria importante, inclusive para desenvolver a economia da nossa cidade”, elenca o presidente do comitê municipal do PCdoB, Paulinho Silva.

Professor da Faculdade de Letras e Artes (FALA) da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern), ele ainda cita outras reclamações com a atual gestão, como insatisfações na saúde e educação. 

“Com a educação, nós vemos como foi a atitude do prefeito agora em relação à greve dos educadores municipais, então há uma série de questões, de todo um gasto, por exemplo, com a sua promoção midiática”, critica.

O evento desta quinta (4) acontecerá no miniauditório do Hotel Vila Oeste às 19h com o tema “Frente Ampla para Governar Mossoró e o projeto para a Cidade”. Uma das presenças confirmadas é do ex-senador cearense Inácio Arruda, atual secretário de Ciência e Tecnologia para o Desenvolvimento Social do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação.

Segundo Silva, o partido já se reuniu e convidou todos os vereadores da oposição, além de lideranças sem mandato, para iniciar as tratativas. Uma das parlamentares é Larissa Rosado, vereadora e ex-deputada estadual que estará na comemoração dos 101 anos do PCdoB, de acordo com o dirigente da sigla.

“É bom que se entenda que a frente ampla não é uma frente de esquerda. É uma frente de setores progressistas e de esquerda, defensores que lutam pelo desenvolvimento dessa cidade, que se preocupam com um projeto verdadeiro que respeite o cidadão, que atenda as necessidades do nosso povo. Então ela [a frente ampla] vai reunir todos esses que se identificam com esse projeto”, explica Paulinho.

“Não é uma questão que vai ser resolvida em termos de partido A ou partido B, mas de quem quer defender um projeto alternativo para apresentar ao povo de Mossoró”, aponta.

Em 2020, o PCdoB lançou Gutemberg Dias como candidato a vice-prefeito de Isolda Dantas (PT). A chapa ficou em terceiro lugar. Agora, diz Paulinho, a deputada estadual continua sendo bem vista, mas os nomes dos potenciais candidatos ainda não estão postos à mesa.

“Nessas conversas nós não falamos em nomes. Nós sabemos que nesse campo da oposição, tanto de partidos de esquerda como partidos outros, temos nomes em potencial. Sem dúvida a deputada Isolda é um nome em potencial pela densidade eleitoral que ela tem na cidade, pelo que ela teve de votação na última campanha, mas nós não estamos discutindo nomes não. Queremos discutir as nossas ações, as nossas discussões em torno de um projeto”, defende ele. 

“No percurso de nossas discussões nós vamos ver aquele, dentro dos que estão compondo essa frente, que maior representará tanto em termos de representação eleitoral como do ponto de vista do compromisso com a frente, esse projeto”, diz.

“Um princípio que deve ser colocado por todos que participarem é deixar as vaidades de lado, projetos individuais e pensar num projeto coletivo, um projeto realmente de uma frente ampla em que todos possam dar contribuição à nossa cidade criando essa unidade da oposição”, afirma.

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.