Hospitais do RN recebem 20 novas ambulâncias
Natal, RN 27 de mai 2024

Hospitais do RN recebem 20 novas ambulâncias

4 de janeiro de 2024
4min
Hospitais do RN recebem 20 novas ambulâncias
RN recebe 20 novas ambulâncias I Foto: Humberto Sales

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

O Governo do Estado entregou, nesta quinta-feira (04), 20 novas ambulâncias de tipo B distribuídas entre todas as regionais de saúde do Rio Grande do Norte. Os veículos são preparados para suporte intermediário e estão equipados com ar-condicionado, cadeira de rodas, cabine sanitária, rede de oxigênio e radiocomunicadores.

As unidades hospitalares receberam 18 ambulâncias e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência do estado (SAMU-RN) ficou com duas. Ao todo, foram investidos R$ 5,9 milhões, dentro do programa Governo Cidadão, para a aquisição dos veículos.

“Hoje estamos entregando 20 ambulâncias, mas entregamos outras nove antes. São veículos novos, devidamente equipados para atender as necessidades dos hospitais. Isto é resultado de muito trabalho e esforço com seriedade e compromisso público", comentou a governadora Fátima Bezerra (PT).

Além da verba repassada aos hospitais, a governadora do RN ressaltou que o investimento em saúde também virá através do novo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 3), que executará a construção do Hospital Metropolitano.

"Após muitos anos conseguimos aumentar o teto para os atendimentos de média e alta complexidade (MAC). Só o município de Natal recebeu R$ 43 milhões e quase outros 100 municípios do RN também estão recebendo. São R$ 45 milhões em várias unidades. Só no Tarcísio Maia, em Mossoró, estamos aplicando R$ 10 milhões na primeira grande reforma nos 37 anos de existência daquele hospital. São 21 hospitais sob responsabilidade do Governo do Estado que atendem média e alta complexidade. Deixo hoje mensagem de confiança, olhando para o que está sendo feito e as sementes que estamos plantando como é o caso do Hospital Metropolitano, que colocamos no PAC-3", acrescentou Fátima Bezerra.

As ambulâncias também darão suporte básico ao programa estadual “Mais Cirurgias". Ex-secretário de Estado de gestão de projetos e relações institucionais (Segri) e coordenador do Programa Governo Cidadão, atualmente deputado federal, Fernando Mineiro lembrou que ao assumir a gestão em 2019 - o programa que opera recurso de empréstimo ao Banco Mundial - estava com apenas 20% de execução. “E a área de saúde era a menos executada. Revertemos a situação, concluímos obras importantíssimas como o Hospital da Mulher em Mossoró que também recebeu duas das 29 ambulâncias adquiridas".

Além da alta complexidade, o RN também teve o atendimento de baixa complexidade ampliado em 2023. No balanço feito pelo governo federal, o Rio Grande do Norte conta atualmente com 511 médicos na rede de atenção do estado através do Programa Mais Médicos, sendo que 240 desses profissionais foram contratados após a retomada do programa pelo governo Lula.

Confira quais são os hospitais que receberão ambulâncias:

Natal: Hospital Dr. José Pedro Bezerra/Santa Catarina, Hospital Pediátrico Maria Alice Fernandes, Hospital Giselda Trigueiro, Hospital Geral Doutor João Machado, Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel.

Grande Natal: Hospital Alfredo Mesquita Filho (Macaíba), Hospital Deoclécio Marques de Lucena (Parnamirim) e Hospital Monsenhor Antônio Barros (São José Mipibu).

Região do Seridó: Telecila Freitas Fontes (Caicó), Mariano Coelho (Currais Novos).

Agreste Potiguar: Hospital Josefa Alves Godeiro (João Câmara) e Hospital Lindolfo Gomes (Santo Antônio).

Região Oeste e Alto Oeste: Hospital Rafael Fernandes e Tarcísio Maia, em Mossoró; Hospital Nelson Inácio dos Santos (Assu), Hospital Cleodon Carlos de Andrade (Pau dos Ferros) e Hospital Dr. Aguinaldo Pereira (Caraúbas), Hélio Morais Marinho (Apodi).

Ambulâncias serão distribuídas entre hospitais e Samu RN I Foto: Humberto Sales

As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.