Inscrições para seleção do programa Mulheres Mil começam sexta (26)
Natal, RN 22 de fev 2024

Inscrições para seleção do programa Mulheres Mil começam sexta (26)

24 de janeiro de 2024
4min
Inscrições para seleção do programa Mulheres Mil começam sexta (26)
Capacitações em Auxiliar de Cozinha e Cuidados de Idosos desenvolvidas pela Escola de Saúde da UFRN na modalidade Mulheres Mil do Pronatec I Foto: Escola de Saúde da UFRN

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Começam nesta sexta (26) as inscrições para o Processo de Seleção Pública Simplificada para contratação temporária de profissionais que vão atuar no Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego – PRONATEC, na Modalidade Mulheres Mil. No Rio Grande do Norte, as vagas são destinadas ao cadastro reserva para os cargos de Professor, Supervisor Local, Orientador Acadêmico Local e Apoio às Atividades Acadêmicas e Administrativas Local.

As inscrições, que vão até 04 de fevereiro, serão realizadas exclusivamente pela internet, no portal do SIGEduc: https://sigeduc.rn.gov.br/. O candidato deve preencher a ficha de inscrição, indicando a opção de curso e localidade para a qual deseja concorrer, além de anexar todos os documentos exigidos pelo edital.

Para concorrer aos cargos é preciso atender alguns requisitos: Professor - Ensino Médio Técnico Completo na área do curso pretendido; Supervisor Local e Orientador Acadêmico Local - Ensino Superior Completo; Apoio às Atividades Acadêmicas e Administrativas - Ensino Médio Completo.

Os candidatos selecionados atuarão em 17 Cursos de Qualificação Profissional que serão ofertados em 32 municípios do RN, com carga horária de 160 horas, em diversos eixos tecnológicos, de acordo com as demandas locais e regionais, como horticultura orgânica, agricultura orgânica, artesã de cerâmica, artesã de artigos indígenas, confeccionadora de bolsas, cuidadora de idosos(as), vendedora, agente de alimentação escolar, trabalhadora doméstica, agente cultural, cuidadora infantil, microempreendedora individual (MEI), agente de limpeza e conservação, manicure e pedicure, assistente de costura, eletricista predial e maquiadora.

A proposta do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego – PRONATEC, na Modalidade Mulheres Mil, é estimular a inclusão educacional, produtiva e social de mulheres em situação de vulnerabilidade social, possibilitando o acesso à educação profissional e tecnológica para diminuir problemas sociais em comunidades com baixo índice de desenvolvimento humano.

A relevância desse programa vai além da esfera educacional, impactando diretamente na vida das participantes e contribuindo para a promoção da igualdade de oportunidades. A união de esforços para possibilitar o acesso à educação profissional e tecnológica, a articulação de mecanismos de inclusão no mercado de trabalho e a criação de redes de intercâmbio de experiências são pilares essenciais para a construção de uma sociedade mais justa e equitativa”, avalia a professora Socorro Batista, secretária de Educação do RN.

Resultado e remuneração

Os resultados preliminar e final serão divulgados nos dias 14 e 23 de fevereiro de 2024, respectivamente. A remuneração dos bolsistas varia de acordo com o cargo, sendo R$ 44,00 por hora para professores e R$ 36,00 para supervisores locais e orientadores acadêmicos. O apoio às atividades acadêmicas e administrativas receberá R$ 18,00 por hora.

A contratação dos selecionados será feita de acordo com a demanda de cursos. O processo seletivo terá validade de doze meses, podendo ser prorrogado. A pontuação seguirá critérios específicos para cada cargo, como tempo de atuação, experiência profissional e titulação. Em caso de empate, serão considerados critérios como maior tempo de experiência profissional e maior idade.

Mulheres Mil

O Programa Mulheres Mil foi iniciado em 2005 com 60 mulheres no Rio Grande do Norte, fruto de uma parceria entre os governos brasileiro e canadense. Em 2008, mil mulheres em situação de vulnerabilidade, do Norte e Nordeste do Brasil, foram capacitadas. 

O projeto é uma realização do Ministério da Educação, por meio da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) com apoio das secretarias estaduais de Educação. O programa abrangerá cursos e programas de qualificação profissional, educação profissional técnica de nível médio e educação de jovens e adultos, nos níveis fundamental e médio, no âmbito do Pronatec. Todas as estudantes matriculadas receberão auxílio para custeio de transporte e alimentação.

No RN, a Secretaria de Estado da Educação, da Cultura, do Esporte e do Lazer do Rio Grande do Norte (SEEC) realizou articulações com outras secretarias e órgãos estaduais, como Secretarias de Estado do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (SETHAS), do Trabalho, Secretaria de Estado das Mulheres, da Juventude, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos (SEMJIDH) e Fundação de Atendimento Socioeducativo (FUNDASE).

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.