Relíquias de Santa Teresinha passam pelo RN nesta semana
Natal, RN 25 de mai 2024

Relíquias de Santa Teresinha passam pelo RN nesta semana

29 de abril de 2024
1min
Relíquias de Santa Teresinha passam pelo RN nesta semana
Foto: Santuário de Santa Teresinha em Lisieux

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

A Arquidiocese de Natal vai receber a visita das relíquias de Santa Teresinha do Menino Jesus a partir da quarta-feira (1º de maio). A urna de 150 kg com os ossos da perna, especificamente do fêmur e do pé, foi enviada pela Basílica de Lisieux, França, e está visitando 70 cidades brasileiras onde existe a presença das monjas carmelitas. 

A peregrinação iniciou no dia 1° de fevereiro em Trindade (GO) e encerrará no dia 19 de outubro em São Paulo (SP). A iniciativa faz parte das comemorações dos 150 anos do nascimento da santa, celebrado em 2023.

No Rio Grande do Norte, o relicário chegará ao Carmelo de Nossa Senhora do Sorriso e Santa Teresinha, em Emaús, Parnamirim, em 1º de maio, às 10h, quando será recepcionado por fiéis e devotos. 

Às 12h, será celebrada uma missa de acolhida às relíquias da Santa, presidida pelo arcebispo Dom João Cardoso. A programação seguirá aberta ao público, no dia 2, das 6h30 às 21h, com a celebração de missas, momentos oracionais e atendimentos de confissões.

No dia 3, às 8h, as relíquias serão conduzidas para a Catedral Metropolitana de Natal, e, às 15h, visitarão a Igreja de Santa Teresinha, no Tirol, retornando, em seguida, para o Carmelo.

No dia 4, a partir das 6h30, as atividades seguirão no Carmelo, em Emaús, e no dia 5, às 8h haverá celebração de missa, presidida novamente por Dom João Cardoso, encerrando a programação da visita das relíquias de Santa Teresinha à Arquidiocese de Natal. Após a missa, a urna será conduzida para a cidade de Bananeiras (PB).

A Irmã Maria da Eucaristia, uma das monjas do Carmelo em Emaús, está na organização da visita das relíquias. Ela diz que a ação é uma forma de celebrar o ano da oração que o Papa Francisco proclamou em preparação para o Jubileu de 2025, além dos 150 anos de Santa Teresinha que aconteceu em 2 de janeiro do ano passado e dos 100 anos de canonização da santa a serem festejados em 2025.

“Então 2023, 2024 e 2025 são anos muito importantes para a Ordem do Carmelo, em unidade com o Santo Padre, o Papa Francisco. Tendo em vista esse ano da oração, a Ordem do Carmelo pensou em trazer as relíquias de Santa Teresinha para peregrinar todos os Carmelos do Brasil”, explica a Irmã.

No Brasil, são 52 Carmelos. No momento as relíquias estão no Ceará e, após Natal, partem para a Paraíba. Esta será a segunda vez que o relicário contendo o fêmur e ossos do pé de Santa Teresinha do Menino Jesus — que morreu jovem, aos 24 anos, em 1897 — estará na Arquidiocese de Natal. No Brasil, esta é a quarta peregrinação pelas dioceses.

“O que é impressionante em Santa Teresinha é que ela entrou no Carmelo muito jovem, com 15 anos de idade, mas a maturidade desta menina foi algo extraordinário, que realmente só é explicado pela grande graça de Deus sobre ela”, diz Irmã Maria da Eucaristia.

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.