PSOL dá posse a Sandro Pimentel e ganha reforço de Lucena
Natal, RN 20 de jun 2024

PSOL dá posse a Sandro Pimentel e ganha reforço de Lucena

3 de novembro de 2023
3min
PSOL dá posse a Sandro Pimentel e ganha reforço de Lucena
Fernando Lucena vai disputar uma vaga na Câmara Municipal pelo PSOL em 2024 / foto: Rômulo Sckaf

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Por Rômulo Sckaf

Com foco nas eleições legislativas de 2024 e ampliação da representação na Câmara Municipal que hoje conta com apenas uma cadeira, o PSOL do Rio Grande do Norte deu posse, em 1° de novembro, à nova diretoria estadual da legenda.

O evento foi realizado no hotel Monza, em Natal, e contou com as presenças de dirigentes de outros partidos de esquerda de Natal, a exemplo de George Câmara (PCdoB), Franklin Capistrano (PSB) e membros da Rede.

O novo presidente do PSOL será o vigilante Sandro Pimentel, ex-deputado estadual e ex-vereador de Natal pela sigla. Ele volta ao comando da legenda após o mandato de Danniel Morais. Em seu discurso, Pimentel destacou que o novo desafio também traz um renovado vigor na luta por uma sociedade mais igualitária:

“Retomar a jornada na presidência do Psol também é um grande desafio, vamos buscar as candidaturas de bem e de paz. Vemos no nosso leque de candidaturas para enfrentar o conservadorismo as candidaturas trans, os coletivos negros, os estudantes e todos que lutam pelo socialismo”.

Sandro Pimentel, presidente estadual do PSOL no RN

Deputada federal mais votada no Rio Grande do Sul, Fernanda Melanchionna participou da cerimônia como convidada. Ela frisou “que é preciso enraizar o PSOL nos movimentos sociais, que, desde 2003, época da fundação do partido, tem por objetivo a identificação com a luta do campo, LGBT, a luta estudantil, sindicalista, movimentos de ocupações”, disse.  

Sandro Pimentel volta ao comando do PSOL no Rio Grande do Norte / Foto: Rômulo Sckaf

Companheiro Lucena

A solenidade de posse da nova diretoria estadual do PSOL contou ainda com a filiação do ex-vereador Fernando Lucena, que concorreu ao cargo de deputado estadual em 2022 pelo PSB e passou a maior da trajetória política partidária filiado ao PT.

“Agora na transição da diretoria que estava com o companheiro Daniel Moraes e hoje inicia o retorno do deputado Sandro Pimentel, temos a coroação desse ato com a filiação de Fernando Lucena, um quadro histórico da esquerda que vem desde a luta pela democracia contra o regime militar iniciada lá no PCB dos anos 1970 ou mesmo depois no PT quando foi vereador, agora vem somar ao Psol na luta dos trabalhadores”, destacou a deputada gaúcha.

A característica do PSOL em servir como guarda-chuva da esquerda rejuvenesce Lucena, que agradeceu a acolhida dos novos companheiros de partido. O momento mais aplaudido do evento foi o discurso do presidente do Sindicato dos Garis em que reforça a da solidariedade com o povo palestino:

Não é possível mais de 3000 crianças mortas, isso é um genocídio, não podemos nos calar diante de tamanha injustiça, são crianças, poderiam ser seus filhos, seus netos, estão matando palestinos e ninguém faz nada, o desafio é a luta de classe, vai ter sempre rico querendo ficar mais rico e tirando dos mais pobres”, disse.

Atualmente, o PSOL conta com apenas um vereador na Câmara Municipal, o professor Robério Paulino. Na cerimônia, ele deu as boas-vindas ao novo companheiro de partido e destacou que estarão juntos em 2024 disputando voto na Câmara.

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.