Teorias da conspiração: realidades paralelas ao gosto do freguês
Natal, RN 21 de mai 2024

Teorias da conspiração: realidades paralelas ao gosto do freguês

12 de abril de 2024
4min
Teorias da conspiração: realidades paralelas ao gosto do freguês

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Nas últimas semanas tivemos o desprazer de observar os chiliques de John Textor, o o dono da SAF do Botafogo, vociferando que o Campeonato Brasileiro de 2023 teve jogos manipulados e que o Palmeiras, que foi campeão, vem sendo beneficiado por manipulações de resultados há pelo menos duas temporadas. Fonte? As vozes da cabeça dele (relatórios apócrifos e sistema de IA não contam no mundo real ou na esfera judicial, claro). Claro também que o Palmeiras repudiou as declarações do norte-americano e comunicou que iria processá-lo nas esferas cível, criminal e esportiva. Que assim seja, que o cara é mala e tóxico à beça.

Contudo, não me passou despercebido o fato de um magnata internacional recorrer a uma teoria da conspiração para explicar ou justificar um acontecimento, tentando ajustar a prova à teoria em vez de a teoria à prova. Na verdade, teorias conspiratórias, que sempre fizeram parte do mundo e ganharam certo status folclórico até os anos 1980, hoje se tornaram uma ferramenta da extrema-direita para obtenção de poder e fidelização do eleitorado/apoiadores. O bolsonarismo, por exemplo, gravita em cima da "ameaça do comunismo" há anos, possivelmente uma das mais idiotas (contudo, das mais eficientes) teorias da conspiração da História, posto que atualmente nem mesmo a China é comunista, na acepção da palavra e no que esse pessoal entende (ou finge entender) por "comunismo".

Teorias da conspiração, sejam elaboradas ou mero conjunto de fake news, consistem em algo perigoso e passível de uso político. Elas têm o papel de adequar a realidade ao desejo de um número de pessoas. Quero atacar meu adversário e sei que parte da população tem medo do comunismo? Então meu rival é comunista! Meu time perdeu um campeonato após liderar por quase o tempo e estar 15 pontos à frente? Então foi porque os outros times conspiraram para prejudicalo forjando resultados! E por aí vai. Inclusive na parte folclórica. Gosto de Elvis Presley e não queria que ele tivesse morrido? Então creio que ele está vivo disfarçado em uma ilhazinha havaiana.

Por falar em folclore, durante décadas as teorias tinham um quê de picaresco e/ou bizarro. Como a de que o vírus do VIH/AIDS foi criado em laboratório para exterminar a comunidade gay estadunidense nos anos 1980. OU que o homem nunca chegou à Lua, inclusive com "documentários" longos e chatos "provando" que a descida à lua em 1969 foi gravada nos estúdios de Hollywood. Se a teoria de que o homem nunca chegou à Lua parece estrambólica, mais ainda é aquela que defende que a Terra é plana, sobretudo porque as primeiras provas da sua esfericidade foram apresentadas por Aristóteles no século 4 a.C., quando a observou na sombra dos eclipses. Mas quem acredita em teorias "paralelas", digamos, não se detém em dados históricos, claro. Crê, como na religião, por uma questão de fé.

Mas, voltemos à extrema-direita. Ela trouxe para a pauta e realidade políticas teorias da conspiração que afetam diretamente a coletividade. Como os movimentos anti-vacinas, que imaginam que a vacinação implanta chips chineses que possibilitam o rastreamento da pessoa. Essa teoria/fake news foi disseminada por Trump nos EUA e Bolsonaro do Brasil e atrasaram a vacinação para covid, o que resultou na morte de muita gente.

Hoje a extrema-direita tem teorias conspiratórias sem qualquer evidência científica ao gosto do freguês, digo, eleitor. Terra plana, vacina com chip, fantasma do comunismo, ditadura gay etc. Um horror. Saudades dos tempos em que teoria da conspiração era que existia um monstro no Lago Ness, nos confins da Escócia, ou que Paul McCartney, vivinho da silva com seus 80 anos, teria morrido em 1969 e que esse aí que lota estádios e esbanja carisma é na verdade um sósia, um impostor. Vai que, né?

As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.