“Júlia Arruda chega para fortalecer o Movimento 65”, diz presidente do PCdoB de Natal
Natal, RN 30 de mai 2024

“Júlia Arruda chega para fortalecer o Movimento 65”, diz presidente do PCdoB de Natal

4 de abril de 2020
“Júlia Arruda chega para fortalecer o Movimento 65”, diz presidente do PCdoB de Natal

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

O PCdoB ainda comemora a receptividade da militância e da sociedade com o anúncio da chegada da vereadora Júlia Arruda ao Partido. Egressa do PDT, ela se filiou à nova sigla na sexta-feira (3), véspera do encerramento da janela de transferências partidárias prevista pela legislação eleitoral. Júlia chega ao Partido com a experiência de três mandatos no parlamento municipal na bagagem e criando a expectativa de acelerar o processo de renovação no ninho comunista.

O presidente municipal do PCdoB Christian Vasconcelos avaliou como “muito positiva” a chegada de Júlia Arruda. Para ele, a nova filiada fortalece também o Movimento 65, plataforma lançada pelo PCdoB em nível nacional para atrair simpatizantes e agregar uma parcela da sociedade interessada em debater política e o Brasil.

- Muito positiva. Não vi restrições nem nos comentários publicados nas redes. Júlia tem um perfil parlamentar democrático e progressista que se encaixa com o programa político defendido pelo partido para a nossa época, por intermédio do Movimento 65, que é uma articulação ampla, voltada para a conquista de cidades democráticas, sustentáveis, seguras e garantidoras de direitos”, destacou.

Júlia Arruda passa a integrar a nominata de pré-candidatos e pré-candidatas que busca eleger uma bancada do PCdoB na Câmara de Vereadores.

Já, em nível nacional, Christian acredita que “pelo perfil e trajetória política da vereadora”, certamente, Júlia Arruda “somará com a nossa luta pela formação de uma Frente de Salvação Nacional, que seja capaz de enfrentar e superar a crise sanitária, econômica e política que o país atravessa, com o coronavírus e a incapacidade de Bolsonaro e seu governo”.

Ainda de acordo com Christian Vasconcelos, os comunistas trabalham para que esta Frente de salvação nacional aglutine um amplo espectro de forças políticas e sociais, tendo como diretrizes “a defesa da vida e da saúde; do emprego, do salário e da renda; assim como da sobrevivência das micro, pequenas e médias empresas”.

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.